Conceito de grego


Jan 15, 13

Do latim graecus, a palavra grego faz referência àquilo ou àquele que é natural, pertencente ou relativo à Grécia, uma nação do sudeste europeu. Este país limita o Sul e o Oeste com o mar Jónico e o mar Mediterrâneo, o Leste com a Turquia e o Norte com a Albânia e a Macedónia.

O actual presidente grego é Károlos Papúlias, aliás o 7º presidente da Terceira República Helénica, procedido por Κonstantínos Dimitriou Stefanópulos na sequência das eleições parlamentares de Março de 2005. Papúlias lidera o governo de uma república democrática, que conta com o Poder Legislativo unicameral (com 300 membros) e um Poder Judicial representado por três cortes superiores.

A superfície grega é de 132.562 km² e aloja cerca de 11.244.000 habitantes, repartidos no seu território continental e nas suas 9.000 ilhas, ilhotas e afloramentos rochosos.

Na Grécia, a educação é obrigatória para as crianças entre os 6 e os 15 anos. A instrução obrigatória divide-se entre a Primária (Dimotiko) e o Ensino Secundário Inferior (Gymnasio).

O idioma grego, tal como se conhece actualmente, teve a sua origem no grego antigo. Relativamente à sua evolução histórica, pode-se distinguir o grego antigo, o grego medieval e o grego moderno. O grego moderno é o idioma oficial da Grécia e do Chipre.

Para escrever na língua grega, utiliza-se o alfabeto grego, desenvolvido no século IX A.C. com base no alfabeto fenício. Hoje em dia, as letras gregas são Alfa, Beta, Gama, Delta, Épsilon, Zeta, Eta, Teta, Iota, Capa, Lambda, Mi, Ni, Xi, Ómicron, Pi, Rô, Sigma, Tau, Úpsilon, Fi, Chi, Psi e Ómega. Outras letras, contudo, viraram obsoletas.