Conceito.de

Conceito de homem

O termo homem tem várias acepções. Pode ser usado para fazer referência aos hominídeos, a qualquer pessoa da espécie humana que seja do sexo masculino ou, num âmbito histórico, aos humanos em geral, sem distinção de género (por exemplo, com frases como “O homem era nómada e migrava em busca de alimentos”).

Na sua acepção habitual, a palavra homem identifica as pessoas que pertencem ao género masculino, isto é, refere-se biologicamente ao macho humano.

Obviamente, o homem tem as suas próprias qualidades biológicas e psicológicas que o diferenciam da mulher. Entre elas, destacaremos a testosterona, que é uma hormona androgénica própria do género masculino que o permite desenvolver os músculos com pouco esforço. As mulheres produzem essa hormona embora em quantidade bastante menor.

Por outro lado, o aparelho reprodutor masculino dá ao homem a capacidade de fecundar o óvulo feminino e transmitir a informação genética através da célula espermatozoide. Os principais órgãos sexuais do homem são externos, ao contrário dos da mulher, que são internos.

Entre outras características que distinguem o homem da mulher, mencionaremos o tom de voz mais grave, a estatura superior, o crescimento de pelos no rosto, o maior volume corporal, a maior tendência à calvície e uma pele mais grossa.

Convém destacar que, para além do desenvolvimento social alcançado, os homens em geral têm uma esperança de vida menor que as mulheres, as quais costumam viver em média mais 7 anos do que eles.

Quando o termo homem é usado para descrever o indivíduo do sexo masculino, é comum haver uma distinção:

– Usa-se “homem” para descrever todos do sexo masculino em geral, mas há um uso maior desse termo para descrever os adultos, enquanto que os indivíduos do sexo masculino que são crianças costumam ser chamados de “meninos”, já os adolescentes e jovens podem ser chamados de “garotos” ou mesmo “rapazes”. Mas essa não é uma regra.

Também, para muitas pessoas o termo homem descreve o indivíduo adulto do sexo masculino que já tenha um certo grau de maturidade, de responsabilidade. Por exemplo: “ele tomou atitude de homem e resolveu as pendências que precisava resolver em sua vida”.

Os seres humanos possuem o que é chamado de dimorfismo sexual, assim como alguns animais, e esses elementos do dimorfismo podem ser encontrados na estrutura do corpo, peso, altura, entre outros, um exemplo seria no caso do homem possuir mãos maiores, ombros mais largos, um pomo-de-adão mais saliente do que nas mulheres, um corpo maior, entre outras características que ajudam a diferenciar um homem de uma mulher. E boa parte dessas características possuem algum tipo de importância na atração sexual.

Há uma especialidade médica chamada de andrologia, a qual dedica-se ao cuidado masculino, com o estudo e diagnósticos de doenças relacionadas aos homens, em especial aos assuntos referentes a função sexual do homem, seu sistema reprodutivo e afins. Mas essa área estuda também sobre questões psiquiátricas, biológicas, anatômicas, urologias, dentre outras, as quais estejam relacionadas com questões sexuais masculinas.