Conceito.de

Conceito de pin

Pin é um termo que admite diversas acepções. Pode tratar-se do adorno pequeno ou de uma insígnia que se prende na roupa. Neste sentido, pin é sinónimo de prendedor (broche ou alfinete).

Exemplos: “A minha mãe ofereceu-me um pin da Hello Kitty”, “Quando era menino, usava sempre pins dos personagens da Disney na minha mochila”, “O jornalista exibia um pin de cor vermelha para consciencializar as pessoas sobre a importância da luta contra a SIDA”.

O pin pode prender-se como um alfinete ou um gancho num espaço visível da indumentária, como o bolso de uma camisa, uma gravata ou um gorro. Por norma, o pin apresenta algum tipo de identificação de quem o usa, demostrando assim a sua adesão a uma causa ou o seu gosto por determinadas coisas.

Para a electrónica, um pin é uma patilha metálica de um conector multipolar. Cada pin, por conseguinte, é um contacto metálico de um conector. Graças aos pines, é possível conectar algo sem necessidade de soldar, já que os pines conseguem transmitir electricidade e informação: “Tem cuidado: se partires algum pin, não conseguirás ligar a impressora”, “Este cabo não funciona com o aparelho de música: os seus pines são muito grandes”.

Outro uso de pin deriva da sigla PIN: Personal Identification Number. O pin é um número de identificação pessoal utilizado em certos aparelhos electrónicos em modo de senha (palavra-chave): “Por favor, diz-me o teu PIN para te poder mandar uma mensagem”, “Não consigo entrar no sistema porque não me lembro do meu PIN”.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (16 de Agosto de 2014). Conceito de pin. Conceito.de. https://conceito.de/pin