Conceito.de

Conceito de ruptura

Ruptura é um conceito que deriva do vocábulo latino ruptūra. Trata-se do acto e da consequência de romper. Exemplos: “A ruptura do glaciar Perito Moreno encantou, uma vez mais, os turistas que se aproximaram do lugar para ver o espectáculo natural”, “A subida das águas do rio provocou a ruptura da ponte, deixando a cidade isolada”, “Não vou fazer referência à ruptura já que não gosto de falar sobre a minha vida privada”.

As rupturas podem afectar elementos materiais. A ruptura de um cano de água, só para citar uma possibilidade, implica que um cano parte e que a água que transportava comece a brotar. A ruptura de uma cadeira, por sua vez, supõe que esta deixará de estar funcional.

O uso mais frequente da noção, de qualquer forma, está relacionado com as relações. Quando duas pessoas que alimentavam uma relação sentimental se separam, está-se perante um caso de ruptura: “Os jornalistas garantem que a ruptura ocorreu pelas frequentes infidelidades do cantor”, “Depois da ruptura, andei deprimida durante três meses”, “O futebolista desmentiu os rumores de ruptura”.

A ruptura também pode ter lugar no âmbito de relações diplomáticas ou institucionais: “O país europeu anunciou a ruptura de relações com a nação asiática depois das duras palavras do seu chanceler”, “O Partido Socialista pondera possível ruptura da sua aliança com o Partido Democrata Progressista”, “O presidente da empresa espanhola descartou a ruptura da sociedade com a empresa italiana, chegando inclusivamente a informar que implementaram novos projectos em conjunto”.