Conceito.de

Conceito de terraço

Terraço é um conceito polissémico, isto é, que admite vários significados. O termo permite referir-se ao espaço aberto de uma casa que se encontra acima do nível do solo e que permite contemplar a vista (a paisagem). Exemplos: “Amanhã, vou pôr a mesa no terraço para jantarmos à luz das estrelas”, “Maria, por favor, vem ao terraço ajudar a tua mãe com a roupa”, “A Tamara comprou uma casa com jardim e terraço”.

Os terraços podem servir para estender a roupa (para ela secar), fazer refeições ao ar livre ou apanhar banhos de sol, bronzear, entre outras opções. Os prédios também podem ter terraço, que se encontra no piso superior e cujo uso é partilhado por todos os proprietários.

Um terraço (ou esplanada) pode ser, por outro lado, o espaço de um restaurante, bar ou café que permite aos clientes sentarem-se ao ar livre: “Hoje, vamo-nos sentar no terraço para apanharmos um pouco de ar”, “Posso recomendar-lhe uma mesa ao pé da janela ou, se preferir, uma mesa no terraço”, “O problema com o terraço é que o atendimento é mais demorado. Os empregados de mesa lavam mais tempo a atender os pedidos”.

Um terraço aluvial é uma superfície plana formando as margens de um rio, resultantes de variações climáticas ou do nível das águas ao longo dos tempos.

Por fim, para a geologia, um terraço é uma superfície relativamente plana, geralmente estreita e alongada, limitada por flancos escarpados.