Conceito.de

Conceito de variáveis qualitativas

Uma variável, no âmbito da matemática, é um símbolo que pode aparecer numa função, um algoritmo, uma proposição ou uma fórmula, adotando diferentes valores. Ao estabelecer elos com outras variáveis, podem contribuir para o desenvolvimento de uma teoria ou de uma hipótese, adquirindo a denominação de construtos.

É possível diferenciar entre vários tipos de variáveis em função do contexto. As variáveis qualitativas são aquelas que permitem a expressão de uma característica, uma categoria, um atributo ou uma qualidade.

Dizíamos que as variáveis podem adotar diferentes valores. No caso das variáveis qualitativas, se apenas podem adotar dois valores recebem a qualificação de dicotómicas. Por exemplo: uma pessoa pode estar “viva” ou “morta”, não há uma terceira opção. Esta variável qualitativa, por conseguinte, é dicotómica.

Outro exemplo de variável dicotômica seria no caso de uma pessoa estar ou não em sua casa, não existe uma terceira opção. Também, quando se quer identificar a efetividade de uma dose de um determinado medicamento ou substância, tendo uma resposta positiva ou negativa apenas.

O uso das variáveis dicotômicas (ou dicotómicas) é feito para dados de diferentes tipos, tanto através do processo de discretização quanto também de forma natural ou mesmo por agregação de valor de variáveis politômicas ou variáveis contínuas.

Se a variável qualitativa pode adquirir um número de valores superior a dois, recebe o nome de politômica. Neste grupo, por sua vez, pode-se distinguir entre as variáveis qualitativas politômicas nominais e as variáveis qualitativas politômicas ordinais.

As variáveis qualitativas politômicas nominais adotam valores que não se podem ordenar. Umas calças podem ser “azuis”, “pretas”, “verdes”, “vermelhas”, “amarelas” ou “cor-de-rosa”, só para citar algumas possibilidades, sem que haja um critério ou uma hierarquia que permita a ordenação do atributo (a cor).

As variáveis qualitativas politômicas ordinais, em contrapartida, adquirem valores que se podem ordenar de acordo com uma escala. Um som pode ser “débil”, “moderado” ou “intenso”, três valores que se ordenam de menor a maior (ou vice-versa) de acordo com as suas características.

É importante não confundir variáveis qualitativas com quantitativas. Essas últimas dizem respeito as características qual conseguimos mensurar por meio de uma escala quantitativa, em outras palavras, as quais podemos medir por meio de números precisos.

E essas variáveis quantitativas ainda podem ser classificadas em contínuas (altura, peso, tempo, etc, essas são medidas por meio de algum instrumento feito para isso) ou discretas (quantidade de bactérias por leite ou o número de filhos, por exemplo).

Algo também importante a ser mencionado é que uma variável quantitativa pode ser coletada de maneira qualitativa. Vejamos um exemplo para um melhor entendimento:

– Se temos a variável quantitativa que mede os anos que uma pessoa possui (sendo essa uma variável quantitativa contínua), nós podemos colocar essa idade numa faixa etária e teríamos, agora, uma variável qualitativa ordinal.

Cabe dizer que existem alguns casos em o uso de números não configura numa variável quantitativa, por exemplo: um número de telefone.

As variáveis qualitativas são também conhecidas como “variáveis categóricas”, uma vez que elas tratam-se de características que são definidas por meio de categorias.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

eixo terrestre

A noção de eixo tem mais de uma dúzia de significados. Pode ser a haste que sustenta um corpo enquanto ele gira, passando por...

Conceito de

égide

Égide tem origem na palavra latina “aegĭde” que significa o escudo de Júpiter ou o escudo de Minerva. De acordo...

Conceito de

écloga

Uma palavra grega que pode ser traduzida como escolha, chegou ao latim como “eclŏga” que em português se converteu...

Conceito de

Idade Antiga

Com origem etimológica na palavra latina “aetāte”, idade pode se referir a diferentes questões. Neste caso, vamos...

Conceito de

efusivo

O adjetivo efusivo é usado para qualificar aquilo ou aquele que manifesta ou revela efusão: ímpeto, vigor ou expansão nos...

Conceito de

efluente

A Michaelis, em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa, define um efluente como um resíduo (em forma de fluido ou...

Conceito de

efeméride

A palavra grega “ephemerís”, que se refere ao que é próprio de um dia, derivou no latim “ephemerĭde”...

Conceito de

edema

A palavra grega “oidema” chegou ao nosso idioma como edema. O termo é usado no campo da medicina para se referir à...

ARQUIVOS