Conceito de contexto




Set 23, 11 Conceito de contexto

Do latim contextus, o contexto é o ambiente físico ou situacional (conjunto de circunstâncias) a partir do qual se considera um facto. Esse ambiente pode ser material (“O ladrão aproveitou o ambiente agreste para se esconder no meio da vegetação”) ou simbólico (o ambiente histórico, cultural ou outro).

O contexto é constituído por um conjunto de circunstâncias (como o local e o tempo) que ajudam a compreender a mensagem. Por exemplo: um jornal cujo título da primeira página contenha “Pinto da Costa abandona o Porto” não fornece a informação necessária para que o leitor consiga descodificar a mensagem. No entanto, se o título for “O presidente do FCP abandona a cidade invicta por duas semanas para gozar férias no Algarve”, já poderá ser interpretado, uma vez que fornece dados suficientes sobre o contexto.

O contexto linguístico prende-se com os factores associados à produção de um enunciado afectados à interpretação, à adequação e ao significado da mensagem. Posto isto, a mensagem depende tanto da gramática, da sintaxe e do léxico como do contexto.

A pragmática é o ramo que estuda o contexto linguístico. Os especialistas falam de microtexto (quando o contexto linguístico é dado por uma palavra imediata dentro do enunciado) e de macrotexto (o significado do texto não é imediato, uma vez que é dado por um contexto mais afastado).

Dá-se o nome de contexto extralinguístico ao conjunto dos interlocutores potenciais, do local, do tipo de registo e do momento em que decorre um acto linguístico. Estas circunstâncias têm impacto sobre o entendimento da situação linguística.

Para a informática, o contexto é formado pelas circunstâncias mediante as quais se utiliza um determinado dispositivo.