Conceito de estereótipo




Jan 21, 11 Conceito de estereótipo

Um estereótipo é uma imagem ou uma ideia aceite comummente por um grupo ou uma sociedade, que apresenta um carácter imutável. Inicialmente, a palavra referia-se a uma impressão ou obra impressa numa chapa de caracteres fixos que era utilizada em tipografia. Esta aplicação acabou por passar a metáfora no que diz respeito a um conjunto de opiniões preconcebidas impostas aos membros de uma colectividade.

Actualmente, o conceito de estereótipo tende mais a referir-se à imagem mental simplificada e com poucos detalhes acerca de um grupo de pessoas que partilham certas qualidades características. Costuma ser usado com um sentido negativo ou pejorativo, considerando-se que os estereótipos são crenças ilógicas que se podem mudar através da educação.

Os estereótipos mais usuais incluem várias asseverações sobre os grupos raciais e predições de comportamento baseadas no estatuto social ou na riqueza. Na arte e na literatura, os estereótipos são clichés e aparecem sob a forma de personagens ou situações previsíveis (por exemplo, acredita-se que o demónio é um ser de cor vermelha com cornos e um tridente).

Existem numerosos estereótipos regionais, com uma visão que denigre as pessoas que venham de uma certa região geográfica. Na Argentina, por exemplo, tendem a estereotipar os Espanhóis, a quem chamam de “galegos” por os qualificarem de tontos e brutos. Já em Portugal, tende-se a chamar aos Brasileiros de “brasucas”, aos Franceses de “franciús” e aos Chineses de “chinocas”.

Também existem estereótipos vinculados à cultura e à religião, como aquele que define aos judeus como avarentos.