Conceito.de

Conceito de activo

Activo é um termo cuja raiz etimológica reside no latim actīvus. Trata-se de um substantivo que se usa na área da economia e das finanças ou de um adjectivo que se pode usar em múltiplos contextos.

Enquanto substantivo, é considerado activo um bem ou um direito que dispõe de valor financeiro, o qual se encontra sob a propriedade de uma pessoa ou de uma empresa. Os activos são registados nos balanços, formando aquilo que se tem.
Existem diversos tipos de activos, como o activo fixo, o activo circulante, o activo funcional ou o activo intangível. Pode-se dizer que estes activos são os recursos que permitem a obtenção de ganhos.

Entre os activos de uma pessoa endinheirada, pode haver duas casas, três automóveis, uma motocicleta, um iate e acções de uma empresa. Como se pode observar, os activos estão relacionados com a riqueza.

É importante estabelecer que dentro do sector da economia, sempre que se fala de activo, vindo irremediavelmente à mente o conceito de passivo, que se define como sendo o conjunto de dívidas que possui uma empresa e que estão relacionadas com terceiros, daí que sob essa designação se incluam os salários aos trabalhadores como os empréstimos bancários que se possui, o pagamento aos fornecedores…

Regra geral, os passivos podem ser divididos em dois grandes grupos: os não exigíveis e os exigíveis.
O conceito de activo, por outro lado, pode ser usado enquanto adjectivo. A nível geral, algo activo é aquilo que actua (no sentido de fazer) ou que está em condições de actuar. A partir desta ideia, o termo pode ser usado de diversas maneiras.
Muitas vezes, associa-se a noção à realização de actividades. Uma pessoa activa é aquela que leva a cabo diferentes tarefas e acções: de manhã, vai trabalhar, no início da tarde, faz exercício físico, depois estuda e, à noite, dá apoio à sua família, só para citar um caso.

No plano da sexualidade, é considerado activo o sujeito que penetra a outra pessoa (que, deste modo, passa a ser a passiva).
Neste âmbito há que realçar que também se pode utilizar para definir essa pessoa que, independentemente de penetrar ou não a sua parceira sexual, seja aquela que mais toma a iniciativa, aquela que propõe e que executa. Frente a essa pode encontrar-se o passivo, que é o adjectivo com o qual se tenta definir quem prefere deixar-se levar pelo parceiro, gosta que o outro “tome as rédeas”.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

encomenda

A Michaelis em seu dicionário online reconhece cinco significados para o termo encomenda. O primeiro fala de encomenda como o...

Conceito de

gengiva

A gengiva é a carne que protege os dentes e recobre a parte interna das mandíbulas. O termo tem sua origem etimológica na...

Conceito de

enclave

Um enclave é um território rodeado por outro que possui características distintas em termos de administração, regime...

Conceito de

encíclica

A palavra grega “egkýklios” tornou-se encíclica em nossa língua. O termo é usado para se referir a uma...

Conceito de

enciclopédia

Com origem nos vocábulos enkyklos (“em torno de”) e paideia (“educação”), a noção de enciclopédia se refere a um...

Conceito de

tomada

O primeiro significado de tomada mencionado no Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa da Michaelis refere-se ao ato ou...

Conceito de

encanto

O conceito de encanto pode ser usado de diferentes maneiras. O termo é usado com referência ao indivíduo, animal, lugar ou...

Conceito de

encarnação

Encarnação, vindo da palavra latina “incarnatiōne”, é o ato e consequência de encarnar. Este verbo (encarnar) se...

ARQUIVOS