Conceito.de

Conceito de futuro

Escutar o artigo

Do latim futūrus, o futuro é aquilo que está para vir e para acontecer. Numa hipotética linha do tempo, o passado (aquilo que já aconteceu) encontra-se atrás (antes) do presente, ao passo que o futuro aparece à frente/depois (aquilo que ainda não aconteceu).

O futuro, por conseguinte, é uma conjectura que pode ser calculada, especulada, teorizada ou antecipada de acordo com os dados que se têm a uma altura concreta. Por exemplo: as condições meteorológicas (presença de nuvens, vento, condições de humidade) permitem prever que, nas próximas horas, irá haver precipitações. Ou seja, pode-se antecipar que, no futuro próximo, choverá. No entanto, o futuro nunca pode ser prognosticado com exatidão.

O homem sempre se interessou em conhecer o futuro. A astrologia é uma disciplina que se dedica ao estudo dos astros para realizar predições. A ciência, em contrapartida, utiliza métodos probabilísticos para estimar o que irá ocorrer no futuro.

Algumas religiões basearam-se na figura de profetas que alegavam poder ver o futuro. Certas correntes filosóficas, por sua vez, consideram que o futuro e o passado, aliás, não existem, uma vez que são irreais. Este tipo de filosofias considera que só existe o presente.

Existem muitas previsões para os próximos milênios que foram feitas por aqueles que se intitulavam como profetas ou videntes, tais como uma suposta profecia final de um profeta chamado Nostradamus que diz que o fim mundo será no ano de 3.797 ou um evento astronômico futuro como é o caso do retorno do cometa McNaught – Russell em 3412.

O fato é que o futuro é algo incerto e para o qual muitos não podem se preparar sempre. Há, no entanto, situações onde se pode ter uma preparação para o futuro como é o caso de contratar um seguro em caso de acidente que gere morte ou invalidez, por exemplo, mas não há como prever e prevenir que esse acidente aconteça, ainda que muitos acreditem no contrário, tal como aqueles que têm sonhos que supostamente mostrem o futuro.

Na gramática, o futuro é o tempo que permite fazer referência a uma ação que ocorrerá num momento posterior ao que é enunciado: “Amanhã, viajarei até à costa” (o verbo “viajar” está conjugado no futuro).

Para a gramática portuguesa, há os tempos verbais que são passado, presente e futuro. O passado diz respeito a algo que aconteceu antes do momento da fala, o presente é o que ocorre no momento da fala e o futuro é aquilo que acontecerá depois do momento da fala.

O futuro é importante também no caso das empresas, pois elas podem utilizar distintos dados e ferramentas para fazer previsões sobre algo que pode ajudar o negócio na tomada de uma decisão importante, algo que pode mudar completamente o rumo que a organização terá.

Existem muitos tipos de futuros, tais como o futuro político, o futuro filosófico, religioso, o antropológico, psicológico, econômico, sociológico, entre outros.

Por último, para a economia, um futuro é um valor cuja entrega está acordada para depois de um determinado prazo, mas com um preço fixado antecipadamente.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (9 de Abril de 2013). Conceito de futuro. Conceito.de. https://conceito.de/futuro