Conceito.de

Conceito de tempo

Do latim tempus, a palavra tempo é a grandeza física que permite medir a duração ou a separação das coisas mutáveis/sujeitas a alterações (ou seja, o período decorrido entre o estado do sistema quando este apresentava um determinado estado e o momento em que esse dito estado regista uma variação perceptível para o observador).

Esta grandeza, cuja unidade básica é o segundo, permite ordenar os sucessos em sequências, estabelecendo assim um passado, um presente e um futuro. O tempo dá lugar ao princípio de causalidade, que é um dos axiomas do método científico.

No entanto, a ideia de passado, presente e futuro diz respeito a um tempo singular, ocorrendo somente uma única vez. Ou seja, uma pessoa vivencia uma situação agora, no entanto não a sente, uma vez que ela tornou-se algo do passado.

Uma declaração feita por Einstein em 1995 foi que a diferença em ter passado presente e futuro trata-se de “uma ilusão”, ou seja, estas três etapas se tratam de projeções mentais, existem apenas na consciência humana.

Ainda segundo Einstein, o tempo e o espaço são independentes, sendo o tempo um fluxo infinito de movimentos e de mudanças.

A cronologia permite datar os momentos em que ocorrem determinados acontecimentos. Trata-se de uma linha de tempo onde se pode representar graficamente os momentos históricos em pontos e os processos em segmentos.

Especialistas afirmam que o “achar que o tempo passou rápido” na realidade tem a ver como a nossa percepção.

Há coisas rotineiras que fazemos onde o tempo parece durar uma eternidade, enquanto outras mais agradáveis onde o tempo parece passar muito rápido. Mas quando voltamos atrás e relembramos esse momentos, parecem que os momentos agradáveis foram mais longos.

Isso acontece porque nosso cérebro tem propensão em manter o foco em coisas novas ou algo que gere aprendizado, por exemplo. Se for algo comum ou tedioso, por exemplo, então ele não dá importância.

No âmbito da gramática, o tempo refere-se à categoria gramatical que indica o momento em que se realiza a ação. Pode-se distinguir o tempo absoluto (que é medido com base no falante e em relação ao momento da enunciação) do tempo relativo (que se mede relativamente ao já mencionado tempo absoluto).

Por outro lado, o tempo atmosférico abarca todos os fenômenos (as condições meteorológicas) que ocorrem na atmosfera da Terra ou de outro planeta, num dado momento e num certo lugar. O tempo médio (as variações meteorológicas ao longo das estações do ano) num período longo de tempo é conhecido como clima e é estudado e investigado pela climatologia.

Na Terra, os fenômenos meteorológicos regulares incluem o vento, os aguaceiros (a chuva), a trovoada, a neve e o granizo, por exemplo. O tempo sofre alterações devido às diferenças da energia recebida do sol. Compete às estações meteorológicas medir/avaliar as diferentes variáveis locais do tempo, nomeadamente a temperatura, a humidade e a pressão atmosférica.

Há ainda o tempo que diz respeito a música, sendo ele conhecido como tempo musical. Traduzindo-se como a forma de dividir uma música.

Ele possui elevada importância para a composição de uma música, sendo o responsável por organizar o espaço existente entre um som e outro (ou uma pausa), nos mais distintos ritmos musicais. Sendo que, aqui, o tempo é composto por duração e intervalos. É ele é quem define o início e o fim de uma música.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

estrume

O primeiro significado de estrume mencionado pela Michaelis em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa alude aos...

Conceito de

estiva

No âmbito da marinha, estiva é o processo que consiste em depositar, da forma mais conveniente, uma carga em uma embarcação....

Conceito de

estaca

Uma estaca é um pau com uma extremidade afiada. Graças a esta particularidade, é um elemento com diferentes utilizações, uma...

Conceito de

esquimó

Esquimó é o nome dado a um povo cujos membros residem na região ártica da América do Norte, Ásia e Groenlândia. De acordo...

Conceito de

arrepiante

O adjetivo arrepiante é usado para qualificar o que arrepia: ou seja, estremece, horroriza ou provoca espanto. O arrepiante gera...

Conceito de

estabelecer

O vocábulo latino “stabiliscĕre”, frequentativo de “stabilīre” que significa tornar estável. Este...

Conceito de

esqueleto

O termo grego “skeletós”, que pode traduzir-se como corpo ressequido, esqueleto chegou ao francês como...

Conceito de

esporádico

O vocábulo grego “sporadikós” que pode ser traduzido como disperso, chegou ao nosso idioma como esporádico....

ARQUIVOS