Conceito de nostalgia


Abr 06, 13

A nostalgia é uma tristeza melancólica que vem com a recordação uma perda. Costuma sentir-se quando uma pessoa está longe da sua pátria e sente saudades do seu povo. Também se sente nostalgia pelos entes queridos já falecidos.

Os psicólogos afirmam que a nostalgia exprime um desejo do passado que tende a ser pouco realista por ser meramente idealizado. Isto significa que o sujeito sente nostalgia por algo que nunca é totalmente real. Por exemplo: se uma pessoa sentir nostalgia pela sua infância, recorda apenas os momentos bonitos e exclui as tristezas daquela época.

A nostalgia pode definir-se como a tristeza ou saudade que se sente por algo que se teve e que, actualmente, já não se tem. Uma espécie de nostalgia partilhada a nível social é aquela que expressa que todo o tempo passado foi melhor. Muitas pessoas defendem que, há uns tempos atrás, o homem tinha uma melhor qualidade de vida mesmo que isso, a avaliar pelos indicadores objectivos (como a esperança de vida ou as condições de trabalho), seja falso.

Hoje em dia, não se considera que a nostalgia seja uma doença ou um distúrbio psicológico, mas antes um sentimento comum que sentem as pessoas em determinadas alturas. Porém, a nostalgia pode estar associada a manifestações físicas quando perdura no tempo e se reflecte em dores estomacais ou numa opressão no peito.

Alguns pensadores defendem que a nostalgia surge pelo desejo de o homem superar a finitude e a temporalidade para reviver as instâncias felizes da sua existência e eterniza-las.