Conceito.de

Conceito de relativo

Relativo é um adjectivo que deriva do vocábulo latino relativus. O termo permite fazer menção àquilo que mantém um elo com algo ou alguém. Exemplos: “Não vou comentar nada relativamente à minha vida pessoal: só falarei do meu trabalho”, “No que diz respeito às reformas, tomaremos uma decisão nos próximos dias”, “O economista dará uma palestra para explicar tudo o que é relativo à nova norma tributária”.

Para além do que está associado às relações ou às correspondências, existem outros usos da noção. Relativo também é aquilo que se apresenta em quantidade ou força reduzida: “A ausência do defensor tem uma relevância relativa, uma vez que o treinador dispõe de várias opções para o substituir”, “A desvalorização do real teve um impacto relativo na economia local”, “A renúncia terá uma importância relativa na actividade diária da empresa”.

Conhece-se pelo nome de humidade relativa a percentagem que se encontra no ar se o compararmos com a quantidade que este é capaz de manter. De um modo geral, o ar contém vapor de água em menor quantidade da que necessita para a sua saturação. A equação para calcular a humidade relativa consiste em dividir a densidade de vapor real por aquela de saturação e multiplicar o resultado por 100%, uma vez que a unidade que se procura é o “porcento”.

O normal é medir a densidade de vapor em g/m3 (gramas por metro cúbico). Quando o ar não consegue manter o total da humidade, esta atravessa um processo de condensação que dá como resultado orvalho. Se arrefecermos o ar, mantendo a quantidade de humidade constante, a percentagem de humidade relativa aumentará até chegar aos 100%. La temperatura à qual a humidade é capaz de saturar o ar chama-se ponto de orvalho, e se desce começa a condensação face às mencionadas.

Aquilo que se presta à discussão ou ao questionamento e aquilo que não é absoluto também pode ser qualificado como relativo: “Os seus ditos são relativos, não há que os interpretar à letra”, “A opinião da Marcela não me afecta porque é relativa: posso rebater todas as suas afirmações, mas não me interessa”, “Há muita humidade relativa neste ambiente”.

Os pronomes relativos, por fim, são aqueles que estão relacionados com um antecedente e permitem introduzir uma oração subordinada adjectiva. “Que”, “qual”, “cujo” e “quem” são alguns dos pronomes relativos: “O automóvel que comprei é vermelho”, “Gostaria de saber quem pegou nas minhas chaves”, “A rapariga cuja mãe é veterinária virá a casa amanhã”.

Este tipo de palavra é bastante necessário para a construção de orações complexas no nosso idioma, uma vez que nos permitem ampliar o conteúdo sem cair na reiteração. Certos pronomes relativos mostram uma clara concordância em género e número com os substantivos aos quais fazem referência, como se pode apreciar nos seguintes casos: “A mulher à qual deste a carta é uma impostora”, “Estes temas, sobre os quais temos vindo a falar, anteriormente, vão constar no exame final”.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

categoria

A palavra grega “kategoría” chegou ao latim como “categorĭa” e, através do francês, derivou no termo...

Conceito de

luneta

Uma luneta é uma ferramenta óptica portátil que pode ser expandida de acordo com a necessidade do usuário. É um tipo de...

Conceito de

catarata

O conceito de catarata, que deriva da palavra latina “cataracta” (por sua vez derivada do grego...

Conceito de

catabolismo

O termo grego “katabolé”, traduzível como “ação de atirar de cima para baixo” chegou ao português...

Conceito de

catálogo

A palavra grega ” katálogos”, que pode ser traduzida como “lista”, chegou ao latim como...

Conceito de

cataclismo

A origem etimológica de cataclismo encontra-se na palavra grega “kataklysmós”, que pode ser traduzida como...

Conceito de

casuística

A ideia de casuística é usada no campo da ética aplicada para se referir a uma análise de diferentes casos específicos que...

Conceito de

castor

Um castor é um animal mamífero que pertence à ordem dos roedores: aquelas espécies que possuem dentes afiados que usam para...

ARQUIVOS