Conceito.de

Conceito de némesis

A palavra némesis não consta no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora. Para a mitologia grega, Némesis é a deusa da justiça retributiva, da vingança e da fortuna. A sua função era castigar os desobedientes (por exemplo, os filhos que não respeitavam os seus pais).

Némesis castigava a desmedida e não permitia que os homens fossem demasiado afortunados. Na sua intenção de proteger o equilíbrio universal, a deusa podia arruinar os sujeitos cujo destino havia sido favorecido pela fortuna. Também se encarregava de se vingar, nos casos de infidelidade, dos amantes pelos danos e pelo sofrimento causado aos respectivos parceiros ou cônjuges.

Para Hesíodo, esta deusa era filha de Érebo e Nix (a escuridão/a sombra e a noite). Enquanto divindade primordial, Némesis não era submetida aos ditames dos deuses olímpicos.

Os artistas representam Némesis com uma coroa e, ocasionalmente, com um véu sobre o rosto. Uma flor de narciso, um ramo de macieira, uma roda e um chifre de cervo são outros dos elementos que se costumam incluir nas suas representações por diversos simbolismos.

Por vezes, o termo némesis é usado como sinónimo de inimigo. Este uso provém do desejo que possa ter um individuo em exercer a vingança contra o seu pior inimigo, à semelhança do que teria feito a deusa Némesis para administrar a justiça retributiva.

Por exemplo: “O Joker é o némesis do Batman”, “Este homem, mais uma vez, teve de enfrentar o seu némesis”.