Conceito.de

Conceito de ovócito

Os ovócitos são células germinais femininas que se geram nos ovários. Trata-se de uma fase do desenvolvimento do óvulo, quando ainda não amadureceu. O ovócito surge como parte do processo de gametogênese que se desenvolve nas mulheres e nas fêmeas dos animais.

O procedimento começa com uma célula germinal primordial que se transforma num oogónio através da meiose. Este oogónio, depois da ovogênese, transformar-se-á num ovócito que finalmente derivará num óvulo maduro. O ciclo menstrual faz que estes óvulos se desprendam dos ovários a cada 28 dias desde a puberdade até à menopausa.

O ovócito, que também recebe o nome de ócito ou oócito, é por conseguinte uma célula feminina que está prestes a converter-se num óvulo maduro. Esta classe de células dispõe de um bom nível de citoplasma que permite contribuir à nutrição celular no início do desenvolvimento.

São as contrações na tuba uterina que permitem que o ovócito se locomova, pois ele não possui estrutura que o permita por si só locomover-se.

O ovócito é um processo que ocorre antes mesmo do nascimento da mulher, ainda quando ela se encontra em fase de desenvolvimento embrionário, a aproximadamente no terceiro mês quando está no útero. E, também quantidade de ovócitos que tem uma mulher já está definida antes do seu nascimento, uma vez que se estabelece no desenvolvimento fetal. Com o passar dos anos, a mulher irá perdendo ovócitos num fenômeno consociado como atresia. A menstruação faz que o ovócito se desenvolva e, por sua vez, se perca: ao alcançar os 35 anos de idade, a mulher terá cerca de 10% dos ócitos com o que tinha nascido, uma circunstância que faz que a fecundação seja mais complicada de concretizar e que se incrementem os riscos de saúde na criança por nascer.

O ovócito pode ser de dois tipos: o primário ou secundário (também chamado de ovócito II). O ovócito primário tem sua maduração ocorrendo em cada ciclo menstrual (que possuem um período de intervalo de cerca de 28 dias), em seguida acontece a conclusão da divisão I da meiose e são formadas células de distintos tamanhos: uma célula é grande, qual é o ovócito secundário, e a outra é pequena, qual é o corpúsculo polar I, sendo degenerada logo após a formação.

É o ovócito secundário quem dá início a segunda fase da meiose, contudo ele para na metáfase II, que é onde acontece a ovulação, sendo esse ovócito liberado no ovário e segue para a tuba uterina.

Quando ocorre a ovulação, então é liberado no ovário um ovócito secundário, o qual também é conhecido mais como óvulo. Mas o que acontece a seguir? O que acontece a seguir é que esse ovócito segue para o útero, um percurso que demora aproximadamente oito dias para ser completado.

É importante dizer que a meiose do ovócito secundário será completa apenas se acontecer a fecundação do óvulo através por meio do espermatozoide, do contrário ela não ocorrerá.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

eixo terrestre

A noção de eixo tem mais de uma dúzia de significados. Pode ser a haste que sustenta um corpo enquanto ele gira, passando por...

Conceito de

égide

Égide tem origem na palavra latina “aegĭde” que significa o escudo de Júpiter ou o escudo de Minerva. De acordo...

Conceito de

écloga

Uma palavra grega que pode ser traduzida como escolha, chegou ao latim como “eclŏga” que em português se converteu...

Conceito de

Idade Antiga

Com origem etimológica na palavra latina “aetāte”, idade pode se referir a diferentes questões. Neste caso, vamos...

Conceito de

efusivo

O adjetivo efusivo é usado para qualificar aquilo ou aquele que manifesta ou revela efusão: ímpeto, vigor ou expansão nos...

Conceito de

efluente

A Michaelis, em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa, define um efluente como um resíduo (em forma de fluido ou...

Conceito de

efeméride

A palavra grega “ephemerís”, que se refere ao que é próprio de um dia, derivou no latim “ephemerĭde”...

Conceito de

edema

A palavra grega “oidema” chegou ao nosso idioma como edema. O termo é usado no campo da medicina para se referir à...

ARQUIVOS