Conceito.de

Conceito de perecer

É no latim vulgar tardio que se encontra a origem etimológica do verbo perecer que agora vamos abordar. Em termos concretos, deriva de “perescere” que, por sua vez, procede de “perire” que significa “morrer”.

O verbo perecer refere-se à finalização de algo. Pode-se tratar do fim da existência, da vida útil ou de outra questão. Exemplos: “Antes de perecer, o poeta convocou as suas filhas e entregou-lhes diversos pertences que desejava que se apoderassem”, “Temos que evitar que o pinheiro centenário morra: perecendo, perderemos uma parte da nossa história”, “Não se deve deixar perecer os alimentos, uma vez que se se comer uma vez o prazo vencido, pode ser prejudicial para a saúde”.

Perecer é usado frequentemente como sinónimo de falecer ou de morrer. Uma pessoa que perece, por conseguinte, é aquela que perde a vida por algum motivo: “O motorista pereceu no acto com as feridas sofridas ao embater contra o paredão! É uma expressão que é equivalente a outras como “O motorista morreu no acto com as feridas sofridas ao embater contra o paredão” ou “O motorista faleceu no acto com as feridas sofridas ao embater contra o paredão”.

As empresas, as organizações e outras entidades também podem perecer, no sentido de deixar de existir: “A empresa, ao perecer, deixou cinquenta pessoas na rua, no desemprego”, “O grupo de rock pereceu quando o vocalista resolveu começar uma carreira a solo”.

Os alimentos perecem, por sua vez, quando se descompõem ou apodrecem, deixando de estar comestíveis. A maior parte desses produtos incluem um prazo de validade, o que significa que, depois dessa data, não é recomendado ingerir o alimento em questão. Os alimentos que, devido às suas características, não estão sujeitos a estragarem-se num curto espaço de tempo, são considerados não perecíveis.

Neste sentido, há que salientar que existem dois grupos claros de alimentos, os perecíveis e os não perecíveis. Estes últimos são os que sempre, em situações de crise económica ou de tragédias a grande escala, são solicitados por parte de ONG´s e entidades de diversa índole para poder ajudar pessoas que carecem de recursos para sobreviver.

Posto isto, por exemplo, havendo alguma catástrofe natural, é habitual que se peça à população de todo o mundo que colabore com os sobreviventes, que perderam tudo o que tinham, dando-lhes comida. Nestes casos, pede-se alimentos não perecíveis que possam chegar ao seu destino em condições óptimas.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

deslocalização

A noção de deslocalização se refere ao ato e ao resultado de deslocalizar. Este verbo, por outro lado, refere-se à...

Conceito de

desigualdade

A noção de desigualdade refere-se à falta de igualdade. Duas coisas, portanto, são desiguais quando não são as mesmas: ou...

Conceito de

desígnio

Desígnio é uma ideia, uma intenção ou um propósito que é levado a cabo por vontade própria ou alheia. Um desígnio,...

Conceito de

desinência

O termo do latim medieval “desinentĭa” com o significado de acabar, terminar chegou a nosso idioma como desinência....

Conceito de

desilusão

Desilusão é o ato e a consequência de desiludir ou desiludir-se. Este verbo se refere à perda de ilusões (esperanças,...

Conceito de

desinfeção

Quando uma pessoa desinfeta algo, tira uma infecção ou elimina a possibilidade que ela se desenvolva. Isso é conseguido...

Conceito de

desumanização

A desumanização é o ato e o efeito de desumanizar: despojar das características humanas. O conceito é geralmente usado no...

Conceito de

degelo

O processo e o resultado de degelar são conhecidos como degelo. O verbo degelar, por sua vez, pode ser usado literal ou...

ARQUIVOS