Conceito.de

Conceito de picuinhas

Picuinhas é um adjectivo com sentido pejorativo que é usado para qualificar a pessoa que se detém, se preocupa e se queixa com qualquer coisa.

Exemplos: “Não sei o que se passa com o Jorge, está muito picuinhas desde de manhã”, “Não suposto trabalhar contigo: és demasiado picuinhas, tudo te incomoda”, “Não sou picuinhas, mas não me agrada quando me mentem ou me tentam enganar”.

A pessoa que é picuinhas, por conseguinte, costuma expressar o seu mal-estar por questões pouco relevantes. Isto faz que seja um sujeito muito delicado, que se ofende com facilidade. Noutros termos, quem é picuinhas tende a aborrecer-se ou a desiludir-se com qualquer pretexto.

Para a pessoa picuinhas, obviamente, as causas da sua moléstia são importantes. Por isso, pode-se dizer que aquilo que se entende por picuinhas é algo subjectivo, que pode ser grave para alguns mas aceitável para outros.

Efectivamente, as pessoas consideradas picuinhas costumam defender as suas atitudes alegando, porém, serem exigentes ou perfeccionistas, por exemplo. Para alguns, a busca da ordem de maneira constante é esgotador; não estão dispostos a dedicar o seu tempo procurando que tudo funcione correctamente em sua volta e não toleram que outros o façam. Noutros termos, dependendo do contexto e da situação, pode ser mais picuinhas o acusador do que o acusado.

Suponhamos que um jovem que faz anos não é cumprimentado por um amigo. O aniversariante, se for picuinhas, se pode aborrecer e até acabar a relação de amizade, uma vez que considera que a outra pessoa não a teve em conta num dia importante. Para o amigo em questão, no entanto, tratou-se de um simples esquecimento motivado pelas múltiplas obrigações do dia-a-dia que tem.

Um homem, por outro lado, pode ser picuinhas com o seu automóvel. Desta forma, não permite que ninguém coma ou fume no interior do veículo e pede àqueles que entram no carro para limparem os sapatos antes de entrar.

Entre os sinónimos mais comuns de picuinhas encontram-se as palavras “nojento”, “minucioso”, “meticuloso” e “esquisito”, embora cada uma delas tenha diferentes conotações e nem sempre sejam utilizadas para descrever o mesmo tipo de pessoa. Por outro lado, convém mencionar que existem muitos termos regionais de significado equivalente ou similar em cada país.

Em países como o Brasil, por exemplo, o termo ganha ainda outro significado: picuinhas é descrito como um tipo de pirraça, indireta ou sátira. Por exemplo: “A Maria está de picuinhas o dia inteiro” que poderia ser traduzido como “A Maria está de pirraça o dia inteiro”.

Outro exemplo do uso desse termo no Brasil seria para descrever quando alguém faz uma provocação, faz algo por implicância ou mesmo como forma de deboche.

Um exemplo de uma situação assim seria a seguinte: duas pessoas com opiniões diferentes acabam discutindo entre si e não se falam mais, então uma delas guarda bastante ressentimento e passa a fazer pirraça para a outra pessoa, aqui há um caso onde um indivíduo está com picuinhas em relação a essa outra pessoa.

Pode também acontecer de um casal que brigue a um deles tenha um gênio muito forte e passe a agir com implicância com o seu parceiro, o que se configura também num ato de picuinha.

Costuma-se usar a expressão “picuinhas políticas” para descrever, por exemplo, quando dois políticos passam a ofender-se e a enviar indiretas ou usar de sarcasmo um com o outro, seja a fim de denegrir o outro ou quando estão em disputa eleitoral. Por exemplo: “a cidade não consegue ir para frente devido as desavenças e picuinhas políticas existentes que tendem a atrapalhar seu desenvolvimento” ou “aquele político faz muitas picuinhas e está sempre em desavença com os demais, sejam esses de dentro ou mesmo de fora do seu partido.