Conceito.de

Conceito de propagação

Propagação, do latim propagatĭo, é a acção e o efeito de propagar. Este verbo significa fazer com que algo chegue a diversos sítios para além daquele em que se produz; estender, expandir ou dilatar algo; ou multiplicar algo por geração ou outras vias de reprodução.

Exemplos: “Temos de pensar como podemos conseguir a propagação do calor para evitar o frio”, “A propagação da epidemia está fora de controlo”, “O governo está preocupado pela propagação dos casos de insegurança”.

Enquanto fenómeno da física, a propagação está associada à condução de ondas a partir de um transmissor para um receptor. O fundamento físico da propagação dependerá da gama de frequências mais apropriada para a onda a transmitir.

A radiocomunicação é um tipo de telecomunicação que se desenvolve a partir da propagação de ondas de rádio. O comportamento destas ondas está associado às bandas de frequência do espectro radioeléctrico.

O emissor produz uma onda portadora que actua sobre um condutor eléctrico (a antena). O movimento da carga eléctrica induzido pela onda na antena faz com que esta possa transformar a onda num sinal de áudio, vídeo, etc. Deste modo, o receptor capta a onda e converte-a em informação que pode ser compreendida pelo público.

Num sentido mais amplo, a propagação está relacionada com o contágio ou a replicação de certos fenómenos. Se se disser que a obesidade se está a propagar em todo o mundo, significa que os casos de pessoas com sobrepeso (excesso de peso) são cada vez mais frequentes em diversos países.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (13 de Junho de 2014). Conceito de propagação. Conceito.de. https://conceito.de/propagacao