Conceito.de

Conceito de pupa

Trata-se de um estado dos insectos que realizam a metamorfose. Um estado que atravessam certos insectos (conhecidos pelo nome de holometábolos) durante o processo de metamorfose pode mencionar-se pelo nome de pupa. Trata-se da etapa que começa quando o insecto deixa de ser uma larva e ainda não passou à fase adulta. Como se trata de uma fase de desenvolvimento, se a pupa abrir antes do tempo, o insecto morre.

Enquanto dura o estado de pupa, o insecto mantém-se fechado, não se move e nem sequer se alimenta; noutras palavras, trata-se de um estado de aparente inactividade. Aos poucos, começa a desenvolver a sua asas e patas e adquire a estrutura que terá quando for adulto.

A pupa, em algumas espécies de mariposas, recebe o nome de crisálida. Durante essa etapa, as crisálidas pendem de uma espécie de seda que produz a larva. A sua duração no caso destes insectos é de cerca de duas semanas, mas isto pode variar conforme a espécie. Efectivamente, algumas o estendem para aguardar as condições ambientais mais adequadas às suas necessidades; tal é o caso dos insectos que passam em estado de pupa todo o Verão ou Inverno, dependendo das suas características fisiológicas.

A crisálida possui um aspecto especialmente vistoso e, dado que tende a ser superficial, é o exemplo mais fácil de encontrar ao pensar no conceito de pupa. O pedúnculo de seda que produz a larva para que penda a crisálida chama-se cremaister e costuma esconder-se entre as folhas para estar protegida de potenciais ataques.

Diversas mariposas nocturnas e as traças desenvolvem uma pupa diferente, mais escura e enterrada no solo ou envolta num casulo. O bicho-da-seda gera o mais conhecido destes casulos, e para isso utiliza um fio sedoso bastante comprido. As moscas muscomorfas, por sua vez, produzem um pupário, ou seja a larva encontra-se dentro do seu exosqueleto durante a sua última fase para se proteger.

Alguns insectos ocultam-se enquanto se encontram a meio desta etapa de reestruturação, durante a qual o seu organismo muda drasticamente. Os mosquitos ao contrário de outros insectos, esses sim possuem mobilidade enquanto se encontram na pupa, o que é necessário para evitar os seus predadores.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

diácono

A palavra grega “diákonos” que se traduz como servidor, chegou ao latim como “diacŏnu”. A noção...

Conceito de

diáspora

Diáspora é um conceito derivado de uma palavra grega que pode ser traduzida como “dispersão”. A diáspora é a...

Conceito de

diâmetro

Diâmetro é o nome da reta que, passando pelo centro, une dois pontos de uma esfera, uma curva fechada ou uma circunferência....

Conceito de

diacronia

A noção de diacronia provém de “diá”, através + “khrónos”, tempo +-ia, ou seja, através do tempo....

Conceito de

dialética

A arte de debater, refutar e argumentar é chamada de dialética. O conceito, que vem do latim “dialectĭca”, embora...

Conceito de

devorar

O verbo devorar tem sua origem etimológica na palavra latina “devorāre”. Quando ligado a um animal, o termo...

Conceito de

revelar

A palavra latina “revelāre” chegou à nossa língua como revelar. Este verbo refere-se a dar a conhecer algo que...

Conceito de

detrito

O termo detrito provém do latim “detrītu”, particípio passado de “deterĕre” que se traduz como gastar por...

ARQUIVOS