Conceito de quotidiano


Jun 25, 13

Do latim quotidiānus, quotidiano é um adjectivo que faz referência a algo que é diário, habitual ou frequente. Exemplos: “As brigas são algo quotidiano à saída dos estádios de futebol”, “Ler os jornais faz parte das minhas actividades quotidianas”, “Viajar pela Europa é quotidiano para certas pessoas”.

Entende-se por vida quotidiana o decorrer habitual de um dia qualquer na vida de uma pessoa. Um dia quotidiano, neste sentido, costuma incluir levantar-se a um certo horário, tomar o pequeno-almoço, ir para o trabalho ou para as aulas, cumprir com as obrigações, regressar a casa, jantar e deitar-se a um horário que não costuma variar muito.

Se uma pessoa costumar ir para o local de trabalho de comboio e, um dia, decidir ir a pé, essa mudança de rotina constitui uma quebra no quotidiano. Nesse caso, o modo de viajar constituiria algo atípico, que é distinguível dos costumes ou dos hábitos dessa pessoa.

Regra geral, a vida quotidiana está associada à rotina. Os fins-de-semana e os períodos de férias, por conseguinte, são considerados momentos especiais ou diferentes, mesmo que não pareçam estranhos (todas as pessoas, em algum momento da sua vida, gozam de férias). O que é certo é que, uma vez livre das suas obrigações e responsabilidades quotidianas, o sujeito pode dedicar o seu tempo a outras actividades.

O quotidiano implica certos rituais, que variam de pessoa para pessoa. Enquanto para um indivíduo pode ser quotidiano deitar-se à 1 da madrugada, para outro sujeitos, pode ser atípico.