Conceito.de
Conceito de

Saneamento básico

Saneamento básico é entendido como o conjunto de serviços essenciais de infraestrutura, qual compreende esgoto, abastecimento de água e mais. Ele se trata de algo extremamente importante tanto para a vida quanto para a saúde de uma população, além de ser crucial para o meio ambiente.

saneamento básico
O saneamento básico é importante nas comunidades

E os outros serviços incluídos no saneamento básico são: esgotamento sanitário, manejo de resíduos, limpeza urbana, drenagem de águas pluviais e mais.

Os problemas de saneamento tendem a gerar problemas expressivos na economia. Um exemplo seria quando trabalhadores precisam se afastar de suas funções devido a, entre diversos problemas, falta de acesso a água potável (tratamento de água) e a tratamento de esgoto.

E os impactos financeiros ainda chegariam na administração pública, já que haveria como diminuir o número de internações e custos com medicamentos se as pessoas tivessem acesso ao saneamento básico. E isso ainda gera impactos negativos nos programas e iniciativas para reduzir a pobreza.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • O saneamento básico é composto por diversos processos essenciais para fornecer água potável à população, gerenciar os resíduos e esgotos de uma comunidade para prevenir doenças e poluição, e garantir a limpeza urbana e o manejo adequado de resíduos sólidos.
  • A drenagem e o manejo de águas pluviais urbanas são tarefas cruciais do saneamento básico para prevenir enchentes, alagamentos e a propagação de doenças como a leptospirose.
  • O saneamento básico tem um impacto direto na preservação do meio ambiente, na manutenção e expansão das matas, na qualidade do ar, no combate ao aquecimento global e na prevenção de várias doenças associadas à falta de saneamento adequado, como a diarreia, disenteria, malária, entre outras.
  • O saneamento básico também influencia na educação e no valor dos imóveis, onde comunidades com bons sistemas de saneamento tendem a ter melhores resultados acadêmicos e imóveis mais valorizados. Em contrapartida, a falta de acesso ao saneamento básico pode levar a baixos rendimentos escolares e desvalorização de um imóvel.

Sobre a importância do saneamento básico

Para que água de qualidade seja enviada para a casa das pessoas numa determinada cidade, por exemplo, população, inicia-se com a captação e em seguida o tratamento dessa águam a fim de que a mesma se converta em água potável. Todos os processos essenciais para enviar água de qualidade para a população estão incluídos no saneamento básico.

O saneamento básico ainda tem uma preocupação com os despejos de uma comunidade. Desse modo, é necessário que haja um sistema de esgotos eficiente a fim de prevenir a proliferação de doenças e a poluição da água consumida.

A limpeza urbana e o manejo de resíduos sólidos são outros enquadrados no saneamento básico para evitar a contaminação. Eles são importantíssimos para se conservar um ambiente saudável. E é necessário ainda que haja pela cidade um programa de coleta, tratamento e de destinação apropriada para o lixo produzido pelas pessoas que ali residem, do mesmo modo é com os lixos das vias públicas.

É comum que muitas cidades não disponham de um programa eficaz para a drenagem e o manejo de águas pluviais urbanas. Contudo, se trata de um item crucial do saneamento básico, uma vez que o sistema de drenagem previne enchentes e alagamentos, quais podem ajudar na transmissão de diversas doenças, a exemplo da leptospirose.

Saneamento básico e meio ambiente

conceito de saneamento básico
O saneamento básico é importante para evitar doenças

Mesmo que o nome seja saneamento básico, ele se trata de assunto de certa complexidade, impactando em distintos contextos e comunidades. Um exemplo nesse caso seria a relação entre o saneamento básico e o meio ambiente, essencial para o bem-estar e para a qualidade da vida.

O saneamento assegura a preservação do meio ambiente, a exemplo do destino apropriado dos resíduos em aterros sanitários, ou mesmo no caso da coleta seletiva, no tratamento da água e na manutenção de sistemas de esgotos. A carência de saneamento básico ainda geraria diversos problemas de saúde para as pessoas de uma comunidade.

Nesse caso, há doenças que teriam relação com a falta de saneamento básico, por exemplo: disenteria, malária, amebíase, gastroenterite, peste bubônica, poliomielite, hepatite infecciosa, febre tifoide, cólera e sarampo.

A manutenção e a expansão das matas é outra coisa importante e ligada diretamente a preservação dos rios e da qualidade do ar, o que, por sua vez, influencia no aquecimento global. E assim, as matas ciliares atuam realizando a captura do CO₂ e assegurando a preservação dos mananciais, além de evitar a ocorrência de erosão do solo.

A diarreia, por exemplo, provoca a morte de milhares de crianças com menos de 5 anos de idade todos os anos em todo o mundo. E apenas a implementação do acesso à coleta de esgoto e à água potável ajudaria a evitar bem mais do que a metade dessas mortes.

Saneamento e a educação

O saneamento básico influencia ainda na educação. Quando existe um serviço desses atuando numa comunidade, estando ali operando devidamente, então se reduz a incidência de doenças, o que, por sua vez, melhora o foco e a concentração dos alunos. E alunos com melhor foco e concentração conseguem estudar melhor, melhorar sua memorização e mais.

Em contrapartida, aqueles sem acesso ao saneamento básico tendem a experimentar um baixo rendimento escolar. Há uma redução na produtividade também. E isso é algo que até mesmo impacta nas oportunidades que esses jovens terão na busca por emprego mais tarde.

Valorização de imóveis

Por fim, existe ainda a questão da valorização ou desvalorização de um imóvel. Quando a região é bem atendida na questão do saneamento, então ela obtém valor no mercado. Logo, os empreendimentos imobiliários ganham, e muito, com isso.

Regulamentações dos serviços de saneamento básico

Mas para que os serviços de saneamento sejam prestados apropriadamente e a preços acessíveis para a população, é necessário que as agências reguladoras infranacionais editem normas e fiscalizem a prestação dos serviços.

Um exemplo é no caso do Brasil, onde existem 60 agências infranacionais que atuam no setor de saneamento.

Citação

SOUSA, Priscila. (16 de Janeiro de 2024). Saneamento básico - O que é, importância, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/saneamento-basico