Conceito.de

Conceito de sublime

Antes de aprofundar o significado do termo sublime, vamos procurar determinar a origem etimológica da mesma. Deste modo, podemos afirmar que deriva do latim, mais exactamente da palavra “sublimis”, que é composta por duas partes claramente delimitadas: o prefixo “sub-”, que se pode traduzir por “baixo”, e o substantivo “limis”, que é sinónimo de “limite”.

Trata-se de um adjectivo que qualifica a aquilo que dispõe de excelência, perfeição ou brio. Exemplos: “O jogador de ténis suíço fez um jogo sublime e derrotou com facilidade o número um do mundo”, “O Luciano Pavarotti era um cantor sublime, capaz de comover o público com a sua voz”, “Este restaurante é sublime! O pato com laranja é um autêntico manjar dos deuses”.

Sublime também é uma conjugação do verbo sublimar: exaltar ou, no âmbito da física, fazer que uma matéria passe do estado sólido para o estado gasoso de forma directa. A sublimação, por conseguinte, é um processo que permite levar uma substância do estado sólido para o gasoso sem atravessar o estado líquido. A sublimação regressiva, em contrapartida, é o procedimento inverso: “Quando este elemento sublime, o cientista deverá contê-lo com um recipiente adequado”.

Bradley Nowell, Eric Wilson e Bud Gaugh, por último, eram os membros de uma banda norte-americana de rock chamada Sublime. Esse grupo foi fundado em 1988 e se manteve activa até 1996, quando Nowell faleceu por causa de overdose. Uma curiosidade é que o álbum de maior sucesso dos Sublime foi editado poucos meses depois da morte do seu cantor.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (14 de Agosto de 2016). Conceito de sublime. Conceito.de. https://conceito.de/sublime