Conceito.de

Conceito de zona

Zona é um conceito com vários usos. Neste caso importa-nos ficar com a sua acepção como o sector de uma superfície ou de um terreno. Rural, por sua vez, diz-se daquilo que diz respeito ao campo.

A ideia de zona rural, por conseguinte, está vinculada ao território com escassa quantidade de habitantes onde a principal actividade económica é a agropecuária. Deste modo, a zona rural distingue-se da zona urbana, que tem um maior número de habitantes e uma economia orientada para a indústria ou os serviços.

As zonas rurais são compostas por campos nos quais se exerce a agricultura e se cria o gado. As matérias-primas que são obtidas nestas zonas são posteriormente enviadas para as cidades, onde são processadas e consumidas.

Enquanto que nas cidades a maior parte do terreno apresenta construções e há diversas obras de infra-estrutura, as zonas rurais têm poucas edificações. A zona rural, desta forma, favorece uma aproximação à natureza.
Numa zona rural de um país X, podem viver duzentas pessoas que se dedicam a cultivar tomates e soja, a elaborar queijos a partir do leite que obtêm nos seus tambos e a criar gado (vacas e porcos). Numa cidade da mesma nação, em contrapartida, residem 500.000 pessoas que trabalham no sector bancário, nos meios de comunicação e muitos outros sectores de actividade.
Cada vez são mais as pessoas que, ao contrário da maioria da população, decidem abandonar a grande cidade para começar a viver numa zona rural. Porquê? Porque consideram que isso supõe melhorar a sua qualidade de vida em muitos sentidos:

-Deixam de lado a poluição das grandes urbes e passam a respirar ar puro.
-Estão em permanente contacto com a natureza.
-Permite-lhes esquecer-se do stress, das pressas e dos tumultos das cidades.
-Representa uma poupança económica, em tanto quanto, entre outras muitas coisas não requer ter de o fazer frente aos elevadíssimos alugueres ou rendas dos alojamentos nas urbanizações e mesmo ao custo de outros elementos como é o caso dos transportes públicos.
-Há um contacto mais próximo e humano entre os vizinhos.
-Da possibilidade, além do mais, de se poder alimentar deforma mais saudável, através de produtos que directamente se obtêm da terra, sem intermediários de qualquer tipo.
Antes pelo contrário, há quem recuse inteiramente morar numa zona rural por diversos motivos:
-Há menores alternativas tanto a nível laboral como formativo, cultural ou de lazer.
-Os serviços públicos, tais como a sanidade, estão bastante mais limitados.
-Todo o mundo se conhece, pelo que a intimidade e a privacidade estão mais limitadas. Não acontece o mesmo nas cidades onde cada um faz e desfaz sem que ninguém saiba quem é.
-As opções para desfrutar do tempo livre são bastante limitadas.

É importante mencionar que, nalguns países, a definição de zona rural está estabelecida pela lei de acordo com o número de habitantes ou outros critérios. A partir do estabelecimento das zonas rurais, existem regimes tributários diferenciados, subsídios específicos, etc.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

diácono

A palavra grega “diákonos” que se traduz como servidor, chegou ao latim como “diacŏnu”. A noção...

Conceito de

diáspora

Diáspora é um conceito derivado de uma palavra grega que pode ser traduzida como “dispersão”. A diáspora é a...

Conceito de

diâmetro

Diâmetro é o nome da reta que, passando pelo centro, une dois pontos de uma esfera, uma curva fechada ou uma circunferência....

Conceito de

diacronia

A noção de diacronia provém de “diá”, através + “khrónos”, tempo +-ia, ou seja, através do tempo....

Conceito de

dialética

A arte de debater, refutar e argumentar é chamada de dialética. O conceito, que vem do latim “dialectĭca”, embora...

Conceito de

devorar

O verbo devorar tem sua origem etimológica na palavra latina “devorāre”. Quando ligado a um animal, o termo...

Conceito de

revelar

A palavra latina “revelāre” chegou à nossa língua como revelar. Este verbo refere-se a dar a conhecer algo que...

Conceito de

detrito

O termo detrito provém do latim “detrītu”, particípio passado de “deterĕre” que se traduz como gastar por...

ARQUIVOS