Conceito de remate


Nov 29, 14

Pode aparecer no âmbito do comércio, na arquitectura e mesmo no desporte. Remate é um mesmo termo com múltiplos significados segundo o contexto, o que faz que a sua definição deve tratar diversos aspectos.

A acepção mais habitual possivelmente esteja relacionada com a compra e a venda de objectos. Um remate é uma licitação onde um certo artigo é oferecido à venda com um preço base (mínimo) e os interessados devem realizar as suas ofertas. Aquele que oferece uma maior quantidade de dinheiro pelo produto, será quem ganha o remate e poderá ficar com o oferecido.

Exemplos: “O milionário inglês ganhou o remate e obteve o quadro de Picasso”, “Vou a oferecer o meu carro em remate”, “A sociedade benéfica organizou um remate para juntar fundos”.

Os remates podem desenvolver-se de diversas formas. Em geral, trata-se de uma competência pública onde os interessados expressam o preço que estão dispostos a pagar e podem competir entre si, superando um a oferta de outro. Também há remates de uma única oferta, nos quais cada interessado faz a sua oferta em segredo e confia em ter ganho.

Dentro do âmbito arquitectónico, o remate é aquele elemento que permite finalizar ou dar por terminada uma obra. Isto significa que o remate serve para decorar ou concluir uma construção. Um pináculo ou um chapitel podem ser remates escolhidos pelo arquitecto: “Olha para o remate deste edifício: tem uma ornamentação gótica bastante particular”.

Em desportês como o voleibol ou o futebol, o remate é um disparo, lançamento ou tiro da bola para a baliza ou o campo rival: “O remate do jogador alemão não pôde ser defendido pelo guarda-redes”.