Conceito de artéria


Nov 26, 12

Do latim arterĭa, uma artéria é um vaso ou um conduto que se encarrega de levar o sangue do coração até aos restantes órgãos do corpo. Nesse sentido, cumpre a tarefa inversa das veias, as quais deslocam o sangue dos capilares sanguíneos para o coração.

As artérias são condutos elásticos e membranosos, que apresentam ramificações divergentes. Estes vasos sanguíneos são formados por três camadas: uma externa ou adventícia (de tecido conjuntivo), uma média (com fibras musculares) e uma interna ou íntima (composta pelo endotélio e uma camada conjuntiva subendotelial).

Existem dois grandes sistemas de artérias: o sistema da artéria aorta e o sistema da artéria pulmonar.
Do arco da aorta, nascem diversos ramos, como a artéria carótida, as artérias bronquiais, as artérias lombares, as artérias renais, as artérias coronárias e as artérias genitais.

A artéria pulmonar, por sua vez, é a única artéria que transporta sangue com dióxido de carbono (tal como fazem as veias). Tem origem no ventrículo direito do coração e divide-se em dois ramos terminais, a artéria pulmonar direita e a artéria pulmonar esquerda. Como é óbvio, estes ramos dirigem-se para os pulmões.

Numa acepção completamente diferente, conhece-se como artéria qualquer rua de uma localidade ou de uma cidade, à qual afluem muitas outras ruas. Por exemplo: “A avenida 9 de Julho, uma das principais artérias da cidade de Buenos Aires, encontra-se bloqueada devido ao protesto de trabalhadores da função pública”, “A cidade precisa de novas artérias para evitar o congestionamento do tráfego”.