Conceito.de
Conceito de

Banco

Banco é um termo que tem diferentes usos e significados. A palavra pode fazer referência ao assento no qual se podem sentar várias pessoas. Os bancos, os quais podem ter ou não encosto, costumam ser usados em parques, praças e, obviamente, no lar para assento individual ou coletivo das pessoas. Por exemplo: “Vamo-nos sentar naquele banco que está à sombra, debaixo da árvore”, “Chega-me, por favor, um banco. Preciso de uma coisa do armário de cima e não consigo chegar lá”.

banco
O termo banco é comumente usado para se referir a um local para se sentar, geralmente numa praça ou parque

Os bancos podem ser fabricados em madeira, cimento, pedra, ferro, plástico, entre outros materiais. Antigamente, a maioria dos tradicionais bancos eram de pedra e estavam unidos ao muro de algum edifício. Também permitiam formar os assentos que constituíam as arquibancadas nos teatros e nos circos.

Banco também é o nome de um pranchão sobre o qual trabalham os carpinteiros e outros artesãos, ou ainda o cepo do ferrador.

Por outro lado, para a geologia, um banco é uma extensa elevação do fundo do mar ou de um rio.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • Banco de dados: compilação de informações armazenadas e processadas por um computador, relacionadas a um tema específico.
  • Banco de areia: formação geológica encontrada em áreas costeiras, formada pela ação combinada de ventos, correntes e ondas, podendo proteger a costa da erosão ou afetar a vida marinha de modo geral.
  • Banco financeiro: entidade que se dedica à gestão de dinheiro, oferecendo serviços como depósito de valores, empréstimo de capital e investimentos.
  • Banco de sangue: instituição responsável por coletar, processar, armazenar e distribuir sangue humano para uso em transfusões e tratamentos médicos, garantindo suprimento adequado à população.

Banco de dados

Na informática, dá-se o nome de banco de dados à compilação de informações sobre um determinado tema, armazenadas e processadas por um computador, podendo ser acedidas em qualquer momento, à distância.

Banco de areia

Banco de areia se trata de uma formação geológica caracterizada pela acumulação de areia ou de sedimentos no fundo de um corpo de água, como um lago, rio, lago ou mar, por exemplo. Essa formação pode ser algo temporário ou permanente, a depender das condições do local.

Os bancos de areia possuem diferentes tamanhos, formas e composições. No geral, eles são constituídos pela ação combinada de ventos, correntes e de ondas. Esses bancos podem ser encontrados em várias áreas costeiras do mundo, em especial nas regiões de estuários e deltas (foz) de rios.

Os bancos de areia podem possuir distintos efeitos sobre o ambiente onde se encontram. Por um lado, eles ajudariam a proteger a costa da erosão e das ondas, dando um obstáculo natural. Por outro lado, eles alterariam as correntes e o fluxo de água, afetando a navegação, a pesca e também a vida marinha de modo geral.

Alguns bancos de areia são explorados a fim de extrair areia para ser utilizada na construção civil, para fabricar vidro, na indústria metalúrgica, entre outras. Contudo, essa atividade poderia ter impactos negativos no ambiente, como: alteração do curso dos rios e perda de habitats naturais.

Banco (relativo a instituição financeira)

conceito de banco
Uma banco pode ser ainda uma instituição financeira

Noutro sentido, um banco é uma entidade financeira que se dedica à gestão do dinheiro. O banco oferece serviços como o depósito de valores e o empréstimo de capital. O sistema bancário, também conhecido sob a designação de banca, é o conjunto dos bancos que operam dentro de uma economia. Num banco se pode realizar operações como TED (Transferência Eletrônica Disponível), DOC (Documento de Ordem de Crédito), financiamento, crédito pessoal, crédito consignado, crédito imobiliário, crédito automotivo e investimentos em ações e renda fixa, por exemplo.

O conceito de banco, enquanto instituição financeira, começou a desenvolver-se durante o Renascimento. Os historiadores afirmam que o primeiro banco moderno foi o Banco di San Giorgio, fundado em Génova (Itália) em 1406.

Banco de sangue

Banco de sangue é um centro ou instituição que coleta, processa, testa, armazena e distribui sangue humano para uso em transfusões e outros tratamentos médicos.

Essas instituições são essenciais para assegurar um suprimento de sangue seguro e adequado às necessidades da população.

Nos bancos de sangue é feita a coleta de doações de sangue de doadores que são voluntários. Mas antes esses doadores passam por uma triagem rigorosa a fim de avaliar sua elegibilidade para doação. O sangue depois é processado e testado com o intuito de garantir que seja seguro e compatível com quem o receberá.

Sobre o uso desse sangue doado, são várias situações em que ele é essencial: para transfusões em pacientes com anemia, para os com doenças sanguíneas, distúrbios de coagulação ou em casos de cirurgias ou acidentes, por exemplo. Além disso, o sangue doado pode ser usado na produção de medicamentos e tratamentos para diversas doenças.

Os bancos de sangue ainda desempenham um papel crucial na pesquisa médica. Isso porque eles liberam amostras de sangue para estudos clínicos e de laboratório. Esses bancos também são responsáveis por educar o público quanto a importância da doação de sangue, promovendo a conscientização em relação as questões sobre segurança e qualidade do sangue.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (30 de Agosto de 2012). Atualizado em 26 de Abril de 2023. Banco - O que é, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/banco