Conceito.de

Conceito de bidimensional

O adjetivo bidimensional é usado para descrever o que tem duas dimensões (2D). Um corpo que projeta no comprimento e largura, por exemplo, tem duas dimensões. Por outro lado, se também tem profundidade, é um objeto com três dimensões (3D) e recebe a qualificação de tridimensional.

Em geral, as dimensões são definidas a partir do número mínimo de coordenadas necessárias para a especificação de qualquer ponto. Dessa forma, podemos afirmar que uma linha é unidimensional: ela alcança uma única coordenada para situar um ponto.

No caso de elementos bidimensionais, duas coordenadas são necessárias para atingir a especificação de um ponto. Polígonos, como quadrados ou triângulos, são bidimensionais porque, para localizar um ponto, é necessário estabelecer longitude e latitude. Seguindo essa lógica, a localização de um ponto em um corpo tridimensional (como um cubo) exige conhecer três coordenadas.

É comum dizer-se que o nosso mundo tem quatro dimensões: três espaciais e uma temporal. Os movimentos que fazemos são à esquerda ou à direita, para frente ou para trás e para baixo ou para cima, e diferentes combinações podem ser estabelecidas. No caso da dimensão temporal, haveria uma única direção.

Deve-se notar que, mesmo em uma superfície bidimensional, é possível simular um efeito tridimensional. Uma folha de papel é bidimensional: no entanto, apelando à perspectiva, é possível desenhar um cubo, dando uma sensação de tridimensionalidade.