Conceito.de

Conceito de polígono

Um polígono é uma porção de plano limitada por linhas rectas. Trata-se de uma figura geométrica que é formada por segmentos consecutivos não alienados, que recebem o nome de lados.

Existem diversas classificações dos polígonos. Dá-se o nome de polígono simples àquele em que duas das suas arestas não consecutivas não se cruzam. Já, no caso do polígono complexo, duas das suas arestas consecutivas cruzam-se, sim.

Mencionaremos outros tipos de polígonos, nomeadamente o convexo (a atravessar uma recta, passa no máximo por dois pontos), côncavo (ao atravessar uma recta, pode passar por mais de dois pontos), regular (os seus lados e ângulos são iguais), irregular (os seus lados e ângulos são desiguais), equilátero (todos os seus lados são iguais) e equiângulo (todos os seus ângulos são iguais).

No que diz respeito à forma dos seus lados, os polígonos podem ser rectilíneos (os seus lados são segmentos rectos) ou curvilíneos (pelo menos um dos seus lados é curvo). Por outro lado, se o polígono tiver mais de duas dimensões, pode tratar-se de um poliedro (em três dimensões), polícoro (em quatro dimensões) ou polítopo (em n dimensões).

Aos polígonos cujos lados não se encontram no mesmo plano dá-se-lhes o nome de polígonos curvos.

Fora da área da geometria, um polígono é uma unidade urbanística desenvolvida numa superfície de terreno que tenha sido delimitada para fins de valorização cadastral, ordenação urbana, planificação industrial ou outros fins similares.

Um polígono de tiro, por fim, é um espaço habilitado para a prática de tiro que conta com diversas medidas de segurança.