Conceito.de

Conceito de caldo

A palavra latina “caldus”, que pode ser traduzida como “quente”, chegou à nossa língua como caldo. O conceito é usado para nomear o líquido usado ao temperar ou cozinhar certos alimentos.

Os caldos são feitos fervendo diferentes ingredientes em água, para que o sabor e aroma dos produtos escolhidos permaneçam no líquido. É possível preparar caldos com legumes ou carnes de vários tipos.

Para preparar um caldo de abóbora, por exemplo, é necessário colocar este fruto em água e fervê-lo por vários minutos. Podem ser usadas tanto a polpa de abóbora como a casca e as sementes. Além disso, podem ser adicionados sal, pimenta e outros condimentos à água. Quando o caldo estiver pronto, terá um tom alaranjado e sabor de abóbora, mesmo quando os componentes sólidos (polpa, casca, etc.) forem extraídos.

É possível fazer caldo de peixe, caldo de frango ou de galinha e caldo de carne, entre muitos outros. A preparação é sempre a mesma: os ingredientes devem ser cozidos em água.

Quando o caldo é fervido por muito tempo para reduzir o líquido, obtém-se um fundo. Dependendo da cor, pode-se falar de um fundo escuro ou de um fundo branco.

Com os caldos podem preparar-se várias refeições. O mais comum é que sejam usados para fazer sopas, adicionando macarrão ou outros ingredientes ao caldo para que sejam cozidos. Os caldos também servem para a preparação de arroz e guisados.

Deve-se notar que os caldos são vendidos desidratados, na forma de cubos ou em pó. Ao adicionar água, obtém-se o caldo tradicional.