Conceito.de

Conceito de crioterapia

Crioterapia é o nome dado à terapia que se baseia no uso de baixas temperaturas para o desenvolvimento de um tratamento. A técnica é aplicar frio no corpo para obter um certo efeito.

A crioterapia é vasoconstritora, aumenta a pressão arterial e tem efeitos anti-inflamatórios, anestésicos e analgésicos. É por isso que seu uso é geralmente indicado pelos médicos para certos transtornos.

Inflamações vasculares e entorses, por exemplo, podem ser tratadas com crioterapia. Também a febre, os golpes de calor e as insolações. Para a aplicação do frio, é possível usar bolsas de gelo, cremes ou géis que geram resfriamento na zona.

A criocirurgia é a crioterapia usada para a destruição de tecidos doentes ou anormais. Nesse caso, a técnica geralmente é usada para tratar problemas de pele, malignos ou benignos. Através do nitrogênio líquido, é possível eliminar melanomas, sinais e verrugas. Em alguns casos, usa-se argônio, dióxido de carbono e outros gases.

Além dos benefícios, a crioterapia também possui contraindicações e possíveis efeitos adversos. As complicações podem variar de urticária e alergias a alterações na pressão arterial ou até o desenvolvimento de doenças cardíacas.

Enquanto a crioterapia é a aplicação do frio, a termoterapia é baseada no uso de calor no tratamento de lesões e doenças. O calor pode ser aplicado por convecção, condução ou radiação, tanto a nível superficial quanto em tecidos localizados a um nível profundo