Conceito.de

Conceito de crustáceo

Escutar o artigo

Crustáceo, do latim crusta (“crosta”, “casca”), é uma classe de animais artrópodes de respiração branquial, que têm dois pares de antenas e um número variável de apêndices e que estão cobertos por uma carapaça geralmente calcificada.

crustáceo
A grande parte dos crustáceos costuma viver na água

Os crustáceos constituem um subfilo dos artrópodes. Existem mais de 67.000 espécies de crustáceos, como os caranguejos, os camarões, as lagostas e os lagostins. A maior parte dos crustáceos são aquáticos, vivendo em água doce e salgada em todas as profundidades.

Todos os crustáceos têm certas características anatómicas em comum embora o seu tamanho seja bastante variável. Os corpos são compostos por diversos segmentos ou metâmeros que fazem parte de três regiões do corpo: a cabeça, o tórax e o abdome. Os primeiros segmentos do tórax podem unir-se à cabeça formando a região conhecida como cefalotórax.

E apesar dos caranguejos serem conhecidos como crustáceos que possuem carapaça, há o caranguejo ermitão ou eremita que não dispõe dela, tendo que abrigar-se nas conchas que algum molusco deixou. Esses ainda permitem que anêmonas venenosas se instalem na sua concha a fim de proporcionar proteção, sendo esse um exemplo comum de como a natureza pode se adaptar.

Importantes para a alimentação

Os crustáceos costumam constituir um recurso pesqueiro e alimentar bastante rico. Os camarões, por exemplo, são consumidos em quase todo o mundo. É hábito estes serem consumidos cozidos e sem a cabeça, a carapaça, as barbatanas e os intestinos. A tortilha de camarões, a sopa de camarão e o arroz de camarão são alguns dos pratos mais populares confeccionados com este crustáceo.

O lagostim é outro crustáceo que se consome como alimento em diversas regiões do planeta. O seu corpo é fonte de vitaminas B e D e de sais minerais como o fósforo, o ferro e o iodo. O lagostim gratinado, o risoto de lagostim e a moqueca de lagostim constam entre as receitas que se podem realizar com o crustáceo.

Na cadeira alimentar subaquática, os crustáceos possuem um importante papel, dado que os menores servem como alimento para boa parte dos animais que vivem ali.

Mas além de servirem como alimento para humanos e outros animais, os crustáceos também são usados como ornamento, devido a peculiaridade da sua estrutura esquelética externa.

Sons emitidos por esses animais

É comum que se acredite que os crustáceos são animais silenciosos, mas a realidade é outra. Há espécies que conseguem emitir sons tão ou mais altos do que os emitidos por algumas espécies que existem na natureza.

Pode-se citar o caranguejo, que emite um som que pode ser mais alto do que um som que é emitido por uma baleia azul, contudo esse som encontra-se numa faixa de frequência que os seres humanos não são capazes de escutar. Outros que também podem emitir sons altos são as lagostas e os camarões. Enquanto isso, as espécies marinhas têm os crustáceos como os mais barulhentos, já que esses conseguem escutar o som que eles emitem.

Crustáceo na terra

conceito de crustáceo
O tatuzinho-de-jardim é um crustáceo que vive na terra

Ao contrário do que muitos podem pensar, pode-se encontrar tantos crustáceos na água quanto também na terra, a exemplo disso tem-se o chamado tatuzinho-de-jardim (Oniscidea). Ele é conhecido por virar uma bola quando sente-se ameaçado. Esse animal é ainda conhecido como camarão-terrestre ou bicho-de-conta. Ele pode ser encontrado em locais como cavernas, nos ocos das árvores, sob pedras, entre outros locais que sejam úmidos.

Os tatuzinhos de jardim pertencem a uma das maiores ordens de crustáceos, que é a Isopoda, estando ali também o maior grupo de crustáceos que é terrestre.

Menor e maior crustáceo

O menor crustáceo registrado é o chamado de “pulga-de-água”, conseguindo medir cerca de 2mm, logo, sendo praticamente impossível observar essa espécie a olho nu.

E há também crustáceos que podem atingir tamanhos maiores, tal como o Birgus latro, conhecido ainda como caranguejo-dos-coqueiros, esse tipo de crustáceo consegue subir nos altos coqueiros, arrancar o coco e quebrá-lo em questão de segundos usando apenas as suas poderosas pinças. Outro crustáceo de maior porte é o Macrocheira kaempferi, que pode chegar a 19 kg.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (11 de Dezembro de 2013). Conceito de crustáceo. Conceito.de. https://conceito.de/crustaceo