Conceito.de

Conceito de dentina

Dentina é um tecido que faz parte dos dentes. É o marfim presente nas peças dentárias: um material de cor amarelada e de grande dureza que, na zona radicular, está coberto pelo cemento, enquanto o esmalte cobre a coroa.

A maior parte do dente está composta de dentina, que está entre os tecidos mais duros do corpo. Seu processo de desenvolvimento é conhecido como dentinogênese. Dentinoblastos ou odontoblastos são células especializadas dedicadas à elaboração de dentina.

Entre os componentes desse tecido estão o colágeno e os elementos citoplasmáticos. Deve-se notar que a dentina possui uma camada de tecido e túbulos vivos que estão ligados ao nervo do dente. Se houver retração das gengivas, a dentina fica exposta e gera-se um problema denominado sensibilidade dentária.

Uma pessoa com sensibilidade dentária pode sentir dor intensa ao comer alimentos ou líquidos muito quentes ou frios. Isso ocorre porque eles entram em contato com a dentina, cujos túbulos estimulam o nervo.

Danos no esmalte dentário podem causar a exposição da dentina. É por isso que a cárie também afeta a dentina: a infecção afeta primeiro o esmalte e, em seguida, se continuar progredindo, atinge a dentina. Nesta fase, a doença causa dor. Sem tratamento, a cárie destrói a dentina e continua seu avanço, atingindo a polpa dentária, osso e gengiva.