Conceito.de

Conceito de diedro

O termo diedro é usado no campo da geometria. Chama-se ângulo diedro às porções espaciais que estão limitadas por um par de semiplanos originários da mesma linha.

Para representar um ângulo diedro, é necessário recorrer a dois paralelogramos que têm um lado em comum. Essas figuras permitem simbolizar os dois semiplanos que, partindo de uma mesma aresta, dão origem a essa categoria de ângulos.

A partir de um plano auxiliar que é perpendicular à reta de origem, obtém-se o ângulo diedro, cujo valor é equivalente à amplitude alcançada pelo ângulo menor que é produzido pelas semirretas que pertencem aos diversos semiplanos.

Em resumo, pode dizer-se que um ângulo diedro é uma região espacial formada por dois semiplanos com uma reta em comum. As faces do ângulo são esses semiplanos, enquanto a aresta é a mencionada reta comum. Enquanto isso, a medida é a menor de seu ângulo retilíneo.

De acordo com seus ângulos, é possível diferenciar entre um diedro côncavo e um diedro convexo. Os diedros convexos, por sua vez, podem ser obtusos, retos ou agudos. Por outro lado, dependendo das características de seus ângulos retilíneos, pode falar-se de diedros suplementares e diedros complementares.

A noção de diedro também pode ser encontrada em outras áreas além da geometria. Um centro de escalada na cidade chilena de Iquique, uma casa de decoração em Madri (Espanha) e uma empresa de tecnologia em Saragoça têm esse nome.