Conceito de diferença


Mai 09, 13

Diferença é a qualidade que permite que algo se distinga de outra coisa. O termo, que deriva do latim differentĭa, pode ser usado para mencionar a variedade de coisas de uma mesma espécie.

Exemplos: “A diferença entre ambos os modelos é que o primeiro automóvel consome mais combustível”, “Gosto dos três pares de calças, uma vez que, fora o preço, não noto grandes diferenças”, “Não há diferença entre ir às compras agora ou depois do almoço”.

A diferença, por conseguinte, é o contrário de igualdade ou semelhança. Quanto maior a quantidade de características ou qualidades não comuns, maior a diferença. Noutros termos: duas coisas ou duas pessoas muito parecidas apresentam escassas diferenças.

As diferenças podem notar-se através dos sentidos (objectos que são diferentes à vista, ao tacto, etc.) ou ser detectadas por questões simbólicas (dois gémeos podem ser bastante diferentes se um deles tiver um carácter tranquilo e o outro for muito traquina).

Noutro sentido, entende-se por diferença o dissenso, a oposição ou a controvérsia entre duas ou mais pessoas: “O treinador apresentou a sua demissão indeclinável por diferenças com o capitão da equipa”, “O tema suscitou uma grande diferença entre os administradores da empresa”, “Damo-nos muito bem enquanto parceiros, uma vez que não temos demasiadas diferenças”.

Para a matemática, a diferença é o resultado da subtracção (uma das operações básicas da aritmética). A subtracção consiste em deixar uma certa quantidade (o subtraendo) de um número (o minuendo). A quantidade resultante é a diferença.