Conceito.de

Conceito de diligência

Do latim diligentĭa, diligência é um termo que admite diversos usos. Pode tratar-se de uma carruagem ou de um carro grande (coche) que é arrastado por cavalos e que permite o transporte ou a deslocação de pessoas.

Exemplos: “Ontem à noite, vi um filme do faroeste onde os Índios atacavam uma diligência”, “O meu sonho é realizar uma viagem numa diligência”, “A diligência foi detida e Billy the Kid não tardou em aparecer para assaltar os seus ocupantes”.

A diligência, por conseguinte, era um meio de transporte habitual na antiguidade. O habitual era que completassem um serviço regular, com itinerário fixo, ligando duas localidades distantes entre si.
Regra geral, a diligência dividia-se em três departamentos. A parte anterior da carruagem, conhecida como berlina, tinha três lugares, portas laterais e vidros à frente. No centro da carruagem, o interior dispunha de dois assentos transversais e portas laterais. A parte de trás, chamada rotunda, apresentava dois assentos laterais e uma porta traseira central.

Outro uso da noção de diligência, por outro lado, está associado a um trâmite administrativo, um pedido, um negócio ou uma dependência. A diligência, neste sentido, pode associar-se a uma tarefa “Natália, podes vir ao meu escritório? Vou pedir-te que me faças uma diligência”, “Completo a diligência que me pediu o doutor e depois regresso a casa”, “A diligência levou-me três horas, mas já acabei”.

Diligência também é o cuidado na execução de algo, a prontidão ou a pressa: “Sou-te grato pela tua diligência a resolver o assunto”, “Esta tarefa não teria corrido tão bem sem a tua diligência”.