Conceito.de
Conceito de

Interceder

Interceder, do latim intercedĕre, é a ação de falar a favor de alguém para o livrar de um problema ou para lhe procurar um bem.

interceder
Interceder se trata do ato de rogar por outra pessoa

Exemplos: “Podes fazer-me o favor de interceder face ao pai? Queria que ele me emprestasse o carro esta noite e não o consigo convencer”, “Não te preocupes, vou interceder junto do gerente da empresa para que a sanção deixe de ter efeito”, “O intendente prometeu interceder perante a companhia com a intenção de evitar os despedimentos”.

Ao interceder, uma pessoa tenta conseguir um benefício para outro sujeito. Pode tratar-se de uma ação solidária ou de uma conduta com vista na recompensa posterior. Se um adolescente quiser obter a permissão do seu pai para sair à noite à discoteca e pedir à mãe que interceda, esta irá ajudá-lo sem exigir nada em troca. Peguemos num exemplo diferente em que um homem intercede perante o seu chefe para contratar o seu primo, mas que depois pede ao seu familiar uma percentagem do seu salário.

A ação de interceder também pode ocorrer de um modo mais complexo, envolvendo organizações ou entidades. O governo de um país, por exemplo, pode interceder perante a ONU para pedir que se levante a sanção a uma nação vizinha e amiga.

Para a religião, interceder é colocar-se no lugar do outro. Os sacerdotes, neste sentido, dedicam a sua vida à intercessão, já que oram para o próximo. Quem intercede, por conseguinte, atua como elo entre o homem e Deus.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • A intercessão é o ato de um terceiro intervir para facilitar, apoiar e direcionar processos, com o objetivo de reconciliar e resolver situações.
  • Na religião, a intercessão ocorre quando os crentes oram em nome dos outros, pedindo a Deus por intervenção, conforto, cura ou orientação para aqueles em necessidade.
  • No contexto político, a intercessão engloba processos diplomáticos e negociações de paz, com diplomatas e líderes atuando como intercessores para resolver conflitos e chegar a acordos mútuos.
  • Nas relações interpessoais, a intercessão pode acontecer quando parentes, amigos ou terceiros intervêm para dar apoio, aconselhamento ou direcionamento em momentos de necessidade.

A importância da intercessão em diferentes contextos

A intercessão é um conceito que vai além de diversos aspectos da vida, exercendo papéis expressivos na religião, política, justiça e também nas relações interpessoais.  E mesmo que ela assuma nuances variadas em cada contexto, a cerne da intercessão compreende a intervenção de terceiros para facilitar, apoiar e também guiar processos, visando reconciliar e alcançar soluções.

Intercessão na religião: oração de intercessão

Na religião, a intercessão é comumente relacionada a orações de intercessão, onde as pessoas que oram, chamadas também de intercessoras, elevam preces em nome dos demais.

O foco de tais orações é reconciliar e conciliar circunstâncias difíceis, rogando por intervenção divina a fim de trazer conforto, cura ou orientação. Um exemplos seria uma pessoa cristã que tem um familiar enfermo, essa pessoa intercederia pela cura desse familiar.

O ato de interceder se trata de um apelo espiritual, sendo o ato de comunicar com a divindade, pedindo ajuda e apoio em favor de alguma pessoa. A intercessão, nesse caso, se configura num ato de amor altruísta, em que os crentes se põem em favor dos outros, evidenciando empatia e compaixão.

Intercessão na política

A intercessão na política abarca os processos diplomáticos e também as negociações de paz. E isso sucede visando a resolução de conflitos e a obtenção de acordos mútuos.

Diplomatas e líderes possuem papéis de intercessores, com os mesmos dialogando, negociando e fazendo mediações entre nações ou grupos que divergem. Eles estimulam a comunicação aberta, rogam pela reconciliação e buscam soluções que satisfaçam ambas as partes. A intercessão política visa se comprometer com o bem-estar de todos, tornando a harmonia e a estabilidade global em algo mais fácil de conseguir.

Intercessão na justiça

conceito de interceder
O ato de interceder existe em diferentes contextos

No contexto da justiça, a intercessão se revela través da advocacia e da mediação.

Defensores legais agem como intercessores, representando os seus clientes, em busca de instruir, aconselhar e também de orientar a fim de obter um julgamento justo.

Há ainda que se mencionado que a mediação é um meio de intercessão que estimula a resolução de disputas fora dos tribunais, por meio do diálogo e negociação.

O mediador facilita a comunicação entre as partes presentes, incitando-as a chegarem num acordo mútuo, o que evitaria litígios prolongados.

Intercessão nas relações interpessoais

Nas relações interpessoais, a existência da intercessão fornece suporte e apoio para ambas as partes.

Familiares, amigos e outros podem atuar como intercessores, estando ali para ouvir, dar conselhos e orientar nos momentos de necessidade. Esses intercessores incentivam o diálogo e ajudam na tomada de decisões, contribuindo para ainda na criação de laços mais fortes e saudáveis.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (19 de Agosto de 2014). Atualizado em 11 de Agosto de 2023. Interceder - O que é, importância, na religião e na política. Conceito.de. https://conceito.de/interceder