Conceito.de

Conceito de migração

Escutar o artigo

Uma migração é toda movimentação (ou deslocamento) da população que ocorre de um lugar (de origem) para outro (destino), e que implica uma mudança de residência habitual no caso das pessoas ou de habitat no caso das espécies animais. Pode-se falar, portanto, de dois tipos de migração: a humana e a de animais.

Também existe outro tipo de migração, relacionado com a informática. Neste caso, chama-se migração ao processo através do qual os dados e as aplicações de um computador ou sistema são transferidos para outro destino (formato ou plataforma nova, por exemplo).

Fala-se também sobre migração de plano de celular (que é quando uma pessoa troca o seu plano de telefonia móvel para um com mais benefícios ou que seja mais econômico) ou de migração de e-mail (que é quando uma pessoa transfere contato e mensagens entre contas de e-mails.

Com isso podemos ver que que sempre que quisermos falar sobre a mudança de algo para outro local (a transferência de algo) podemos usar o termo migrar ou migração, mas tudo depende também do contexto.

Relativamente às migrações humanas, apresentam-se dois enfoques distintos. Por um lado, a emigração consiste em deixar o próprio país para se instalar noutro. Por outro lado, a imigração é a entrada de estrangeiros num país que não o deles.

A migração é um fenómeno presente ao longo de toda a história da humanidade. Diversas culturas e religiões têm como referência algum tipo de migração, como é o caso do êxodo do povo judeu do Egito. As causas das migrações humanas podem ser políticas, económicas, por catástrofes naturais, etc.

É importante não confundir imigrar (imigração) com migrar (migração). Enquanto o primeiro significa o cruzamento de um limite político, tal como sair de um país para outro, migrar, por sua vez, é usado quando alguém muda-se para uma nova região, não sendo necessário que essa pessoa vá para outro país. Para um melhor entendimento sobre o segundo conceito, vejamos um exemplo:

– Brasileiros estão migrando do interior do país para as capitais em busca de trabalho para melhorarem sua vida.

No exemplo acima o que acontece é a migração, ou seja, as pessoas estão saindo de um local para outro dentro do próprio país, diferente do que seria com a imigração que é a saída de um país para outro.

Mas a migração pode ainda ser permanente ou temporária, veja alguns exemplos a seguir:

– É comum que muitos migrem do nordeste para São Paulo a fim de buscar uma vida melhor com mais oportunidades de trabalho (esse exemplo seria de uma migração permanente);

– Na época agrícola é comum que trabalhadores migrem para a região norte (já esse seria um exemplo de migração temporária).

A migração de animais, por sua vez, é um processo que realizam certas aves, peixes e mamíferos. A migração implica uma atitude ativa por parte do animal, o qual se vê obrigado a deslocar-se durante longos dias (migrações sazonais). Dos vários motivos que levam os animais a migrar, destacaremos a necessidade de escaparem às temperaturas extremas, a procura de locais apropriados para a reprodução e a necessidade de arranjar alimentos.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (11 de Maio de 2011). Conceito de migração. Conceito.de. https://conceito.de/migracao