Conceito.de

Conceito de pop3

Escutar o artigo

A expressão inglesa Post Office Protocol, que se pode traduzir por Protocolo de Gabinete (ou Escritório) Postal e que se costuma mencionar pelas siglas POP, é usado no âmbito da informática. Trata-se de um protocolo usado pelos clientes de correio electrónico para receber e descarregar as mensagens que estejam alojados num servidor de tipo remoto.

pop3
O POP3 apenas permite o recebimento de mensagens

Como as duas primeiras versões do protocolo foram ficando obsoletas com o passar do tempo, hoje costuma ser mencionado simplesmente como POP3. Graças ao POP3, um utilizador pode descarregar o correio electrónico no seu computador e lê-lo posteriormente, sem necessidade de estar ligado à Internet. Esta característica do protocolo era muito importante quando a maioria das ligações eram efetuadas através da linha telefónica (dial up) e eram lentas.

Em termos concretos, são duas as características que definem o POP3 e que mais se alabam do mesmo: que para rever as contas de correio aposta por fazer uso de programas como Thunderbird e Outlook e que ao pedir o e-mail, o servidor descarrega toda a informação no que é o disco duro que tem o computador.

Por norma, através do POP3, a pessoa tem acesso ao seu correio e descarrega-o para o seu computador, apagando-o deste modo do servidor. Outros protocolos, como o IMAP, funcionam geralmente de maneira diferente (armazenando as mensagens no servidor mesmo que já tenham sido descarregados). O POP3, de qualquer modo, permite conservar os correios no servidor remoto, ainda por questões técnicas seja um tanto incómodo.

Ainda sobre o protocolo IMAP, ele tem a função principal de garantir que as mensagens fiquem no servidor, podendo depois serem acessadas de distintos dispositivos. E para que esse processo aconteça cabe que sejam seguidas as regras determinadas pela RFC 3501.

Por meio desse protocolo, ainda é possível que essas mensagens sejam disponibilizadas offline (assim se pode acessar as mesmas mesmo quando não há internet) e realizar a sincronização de forma periódica.

É importante destacar que o POP3 só permite receber as mensagens, e não enviá-las. Quando a pessoa deseja enviar um correio, o habitual é que o cliente que escolher recorra ao SMTP (Simple Mail Transfer Protocol). Isto significa que, ao configurar uma conta de correio electrónico num cliente como o Outlook Express, por exemplo, será indicado ao programa que utilize o POP3 para a recepção de mensagens e o SMTP para o envio.

É importante saber que a proposta SMTP se converte numa ferramenta de grande utilidade para poder melhorar a segurança do serviço de correio electrónico assim como a sua eficácia e funcionalidade. Em termos concretos, graças à mesma evita-se que uma conta possa ser vulnerada e utilizada com fins “de delito”.

As fases do POP3

conceito de POP3
O POP3 precisa de outros protocolos para o recebimento de mensagens, como o SMTP

Como o POP3 possui a função apenas de receber e baixar as mensagens do servidor de e-mail, podendo as mesmas serem acessadas quando não há acesso à internet, há quatro fases para a realização de tal processo: conexão, autenticação, transação e atualização.

Fase de conexão

Na fase de conexão é feito o uso de um protocolo de transporte TCP/IP, a fim de que a conexão aconteça sem perder dados e de forma segura. Para essa conexão pode ser utilizada a porta padrão 110, mas se tratando da conexão criptografada (SSL) ou a TSL, então a conexão que deve ser usada é a 995.

Autenticação

Logo depois, acontece a fase de autenticação, que é quando acontece a identificação por meio de senha e de uma identificação. Há como trafegar sem o uso de uma codificação na senha, não tendo proteção nesse caso.  Mas aqui o RFC 1939 (Request for Comments) indicada que seja feita a utilização do protocolo de autenticação aliado ao algoritmo MD5 (algoritmo de resumo de mensagem), assim a senha se torna segura e, consequentemente, é possível ter um acesso mais seguro.

Transação

Quando o usuário se encontra autenticado, vem a fase de transação, que é quando as mensagens são enviadas para o cliente do servidor. Há que se saber que quando o cliente baixar as mensagens para um dispositivo, elas não podem ser baixadas em outro dispositivo, por exemplo: o cliente que baixou as mensagens no computador desktop não poderá baixar essas mensagens também no aparelho celular. Isso ocorre porque as mensagens são descarregadas apenas no primeiro dispositivo.

Atualização

Então, quando o servidor passa pela finalização da conexão, vem a atualização. O que ocorre aqui é a exclusão dos e-mails depois que os mesmos são baixados. Mas aqui o cliente pode realizar configurações, podendo salvar uma cópia desses e-mails.

Mas realizar esse ato de salvar uma cópia dessas mensagens poderia ser algo que traria problemas de duplicidade em determinados programas para gerenciar e-mails. Logo, recomenda-se cautela em seu uso.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (27 de Julho de 2015). Conceito de pop3. Conceito.de. https://conceito.de/pop3