Conceito.de

Conceito de protocolo

Tendo em conta a etimologia do termo protocolo, somos remetidos imediatamente para protocollum, um vocábulo latino. Este, por sua vez, deriva de um conceito da língua grega. O concreto é que, no nosso idioma, um protocolo é um regulamento ou uma série de instruções estabelecidas por tradição ou por convenção.

Partindo deste significado, é possível usar a noção em diferentes contextos. Um protocolo pode ser um documento ou uma normativa que estabelece como se deve actuar em certos procedimentos. Deste modo, compila condutas, acções e técnicas consideradas adequadas face a certas situações.

Pode-se dizer, neste sentido, que as forças de segurança têm um protocolo de actuação sempre que sejam feitos reféns. Esse protocolo estabelece que a obrigação da polícia e das restantes forças é garantir a integridade dos reféns, para o qual o protocolo regula o uso de armas de fogo (que só se podem usar em situação de risco de vida por parte de um refém), menciona como deve decorrer a negociação com os sequestradores, etc. Se algum integrante de uma força de segurança actua sem respeitar esse protocolo, pode ser castigado.

Conhece-se pelo nome de protocolo, por outro lado, as normas que definem o comportamento adequado num evento social de certa formalidade. O protocolo, desta forma, é associado àquilo que se conhece como etiqueta: vestir-se de uma determinada maneira, respeitar a pontualidade, cumprimentar com uma reverência uma autoridade e outras questões fazem parte do protocolo.

Outros protocolos são os acordos estabelecidos por vários Estados para modificar um tratado e os conjuntos de regras que devem respeitar diferentes sistemas informáticos para poderem comunicar entre eles.