Conceito.de

Conceito de semblante

O vocábulo latino simĭlans derivou no catalão semblant, tendo depois chegado à nossa língua sob a designação semblante. O conceito é usado para designar o aspecto ou a aparência do rosto de um indivíduo, geralmente vinculado a um estado de saúde ou anímico.

Exemplos: “Estou preocupado com o avô Ernesto: não estava com bom semblante quando o vi esta manhã”, “O jogador italiano voltou a aparecer aos treinos, com outro semblante após meses imobilizado a recuperar da lesão”, “O semblante do autarca deixava entrever a sua preocupação pela difícil situação política e social que se vive na cidade”.

Costuma-se usar a noção de semblante para fazer referência àquilo que transmite uma pessoa através das expressões na sua cara. Posto isto, se um individuo se sentir mal, estiver preocupado ou ansioso, dir-se-á que está com “má cara” ou “mau semblante” (embora de uso mais raro). Noutros termos: todas estas questões (o mal-estar físico, as preocupações e a angústia) podem ser reparadas olhando para o semblante de uma pessoa.

Da mesma forma, a felicidade, a tranquilidade ou a satisfação também se podem intuir ou supor através do semblante de um sujeito.

Em termos concretos, dentro do âmbito da Psicologia diz-se que o semblante de uma pessoa é bastante útil na hora de conhecer muitos aspectos da mesma:

-O tipo de ideias que costumam ser predominantes na sua cabeça e que, assim sendo, vêm definir a sua personalidade. Referimo-nos a, por exemplo, se é alguém positivo ou negativo.
-O estado de humor com que está naquele momento. Desta forma, podemos saber se está triste, contente, preocupado, nervoso, etc…
-Se é seguro ou não, seja de maneira habitual ou mais precisamente naquele momento.
-Se está a mentir ou a dizer a verdade relativamente àquilo que lhe estão a perguntar. Para além de tudo isto, considera-se importante saber detectar todos estes dados que transmite o semblante, isto é, a expressão do rosto, das pessoas. É bastante útil por muitas e variadas razões:
-Permite poder realizar empatia com o indivíduo que se tem à frente.
-Da possibilidade de poder detectar situações nas quais essa pessoa está a sofrer, o que pode levar a que se tome a decisão de lhe poder prestar ajuda.
-É uma maneira de poder averiguar que está a acontecer alguma coisa a essa pessoa e tomar as medidas de precaução necessárias para evitar algum tipo de situação complicada.
-Assim, averiguar tantos aspectos no semblante de alguém ajuda a poder tomar decisões, uma vez que se averiguará, por exemplo, se está a mentir ou a dizer a verdade. Deste modo, por exemplo, uma mulher pode acabar com o seu marido se reparar que ele está a mentir acerca da pergunta que ela lhe está a fazer sobre se lhe tem sido (in)fiel.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

“catering”

O conceito de “catering” faz parte do idioma inglês, mas, de qualquer forma, também é aceito pela Michaelis em seu...

Conceito de

catequese

A noção de catequese refere-se à instrução ligada à religião. O conceito costuma ser usado com relação ao local ou ao...

Conceito de

categoria

A palavra grega “kategoría” chegou ao latim como “categorĭa” e, através do francês, derivou no termo...

Conceito de

luneta

Uma luneta é uma ferramenta óptica portátil que pode ser expandida de acordo com a necessidade do usuário. É um tipo de...

Conceito de

catarata

O conceito de catarata, que deriva da palavra latina “cataracta” (por sua vez derivada do grego...

Conceito de

catabolismo

O termo grego “katabolé”, traduzível como “ação de atirar de cima para baixo” chegou ao português...

Conceito de

catálogo

A palavra grega ” katálogos”, que pode ser traduzida como “lista”, chegou ao latim como...

Conceito de

cataclismo

A origem etimológica de cataclismo encontra-se na palavra grega “kataklysmós”, que pode ser traduzida como...

ARQUIVOS