Conceito.de

Conceito de sociologia

A sociologia é uma ciência que se dedica ao estudo dos grupos sociais (conjunto de indivíduos que convivem agrupados em diversos tipos de associações). Esta ciência analisa as formas internas de organização, as relações que os sujeitos mantêm entre si e com o sistema, e o grau de coesão existente na estrutura social.

São conhecidos por “sociólogos” aqueles que dedicam-se ao estudo da sociologia. E são esses profissionais quem fazem questionamentos e buscam entender as relações entre os seres humanos na sociedade.

Em resumo, esses profissionais investigam sobre a realidade da sociedade por meio de levantamento de dados e pesquisas no campo da sociologia. E é através dos resultados obtidos por esses meios que se pode compreender e fomentar discussões econômicas e políticas, por exemplo.

A sociologia incita o homem a observar o mundo ao seu redor e a ter uma nova perspectiva do que para ele, até determinado momento, era natural. Assim, decisões e comportamentos antes naturais passam a ser coisas que sofrem influência (social ou histórica) e podem ser diferentes do que até o momento são.

Pode-se dizer que a sociologia existe há muito tempo, já antes que se viesse a desenvolver enquanto ciência ou que cujo objeto de estudo se delimitasse. No século V a.C., Heródoto dedicou-se à realização de completas descrições dos povos e dos seus respectivos costumes. Ibn Jaldún (1332-1406), por sua vez, foi quem deu origem ao termo Ilm el Iytima (a ciência da sociedade ou do social).

Auguste Comte foi quem se encarregou de dar forma ao conceito de sociologia, em 1838, por ocasião da apresentação do seu Curso de Filosofia Positiva. A sociologia viria a consolidar-se como uma ciência autônoma recente em meados do século XIX. O século XX já ia bem avançado quando se começou a diferenciar diferentes escolas e correntes dominantes.

A sociologia pode ser estudada a partir de diferentes métodos: o qualitativo, que inclui descrições detalhadas de situações, comportamentos e pessoas, e que também pode incluir o relato dos participantes, contado na primeira pessoa; e o método quantitativo, que é encarregue das características e variáveis podendo ser representadas por valores numéricos e que permitem procurar possíveis relações através da análise estatística.

No que diz respeito aos principais paradigmas sociológicos, destacaremos o funcionalismo (segundo o qual as instituições sociais são meios desenvolvidos coletivamente para satisfazer necessidades da sociedade), o marxismo (a teoria do conflito), o interacionismo simbólico (em que se destaca o caráter simbólico da ação social), o estruturalismo e a teoria de sistemas.

A sociologia traz sempre um novo ponto de vista quanto a situações que são naturais para o ser humano no que diz respeito a individualidade, no entanto essas situações acabam compreendendo uma gama maior no tocante a coletividade.

A exemplo disso podemos citar a fome, qual mesmo sendo algo que impacta e atenta até mesmo contra a vida de uma pessoa, acaba afetando a população de modo geral, causando acentuação da desigualdade social e até mesmo ocasionando ou agravando outros problemas como a educação precária ou os furtos.

Ou seja, aquilo que percebia-se como uma experiência individual, na realidade se tratava de situações com influência no meio social qual vivemos. E são essas influências e o modo como a concebemos os objetivos de estudo da sociologia.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

estrume

O primeiro significado de estrume mencionado pela Michaelis em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa alude aos...

Conceito de

estiva

No âmbito da marinha, estiva é o processo que consiste em depositar, da forma mais conveniente, uma carga em uma embarcação....

Conceito de

estaca

Uma estaca é um pau com uma extremidade afiada. Graças a esta particularidade, é um elemento com diferentes utilizações, uma...

Conceito de

esquimó

Esquimó é o nome dado a um povo cujos membros residem na região ártica da América do Norte, Ásia e Groenlândia. De acordo...

Conceito de

arrepiante

O adjetivo arrepiante é usado para qualificar o que arrepia: ou seja, estremece, horroriza ou provoca espanto. O arrepiante gera...

Conceito de

estabelecer

O vocábulo latino “stabiliscĕre”, frequentativo de “stabilīre” que significa tornar estável. Este...

Conceito de

esqueleto

O termo grego “skeletós”, que pode traduzir-se como corpo ressequido, esqueleto chegou ao francês como...

Conceito de

esporádico

O vocábulo grego “sporadikós” que pode ser traduzido como disperso, chegou ao nosso idioma como esporádico....

ARQUIVOS