Conceito.de

Conceito de termoplástico

Escutar o artigo

Termoplástico é um adjetivo que permite qualificar o material que é maleável em condições de calor. Noutros termos, um termoplástico, ao encontrar-se a uma temperatura elevada, perde o seu estado rígido e deforma-se.

termoplástico
Um termoplástico pode ser moldado em diferentes formatos após ser derretido

Os termoplásticos, quando são aquecidos, amolecem e derretem. Uma vez que arrefeçam, recuperam a sua consistência. Isto permite que possam ser moldados consoante diferentes objetivos.

É importante ter em conta que os materiais termoplásticos dispõem daquilo que se conhece como um historial térmico à medida que vão sendo aquecidos e arrefecidos, as suas propriedades físicas vão-se alterando de forma gradual uma vez que debilitam os seus enlaces.

As impressoras 3D costumam funcionar com termoplásticos. O material derretido permite ser moldado e posteriormente, quando a temperatura desce, adquire a resistência/robustez necessária para conservar a forma desejada.

O policloruro de vinilo (conhecido pela sigla PVC), o poliestireno, o nylon, o teflón, o poliproprileno e o polietileno são alguns dos termoplásticos mais usados em todo o mundo. É possível encontrar uma grande quantidade de produtos fabricados com estes materiais.

Se os termoplásticos derretem ao serem submetidos a um calor elevado, já os materiais termoestáveis não alteram a sua estrutura: diretamente se queimam. Isto faz com que não se possam moldar.

A diferença entre os materiais termoplásticos e os materiais termoestáveis reside nas suas cadeias e ligações. Nos termoestáveis, o calor leva a que as suas cadeias se tornem mais compactas e resistentes. Por isso, o material acaba por se degradar e não se consegue moldar e reutilizar.

Primeiros termoplásticos

Foi no século XX que o termoplástico começou a ser usado. Especificamente no ano de 1838, o francês chamado de Victor Regnault descobre o processo de polimerização do Policloreto de Vinila (PVC) por meio da luz solar. E alguns anos depois, agora em 1860, é a vez de Alexander Parkers criar a celuloide, a qual substituiria o marfim usado pelos dentistas e também seria usada na indústria cinematográfica.

Além disso, o termoplástico já estava sendo usado pela indústria de gravação como shellac no começo do século XX. Esse se tratava de um termoplástico natural utilizado para produzir discos gramofones.

Termoplástico e termorrígido

conceito de termoplástico
Os termoplásticos são materiais maleáveis 

É necessário entender que termoplástico difere de termorrígido.

No processo de fabricação dos termorrígidos, que são materiais de maior rigidez, é feito o aquecimento da matéria-prima a fim de rearranjar seus átomos. Desse modo são formadas pontes fixas na estrutura polimérica.

Quando os termorrígidos se resfriam eles tendem a endurecer e o formato com o qual foram moldados é mantido. É comum que esse material seja usado para a fabricação de peças de aeronaves e de automóveis. Eles são ainda usados para a fabricação de pneus.

Enquanto isso, há os produtos que são produzidos com os termoplásticos. Esse material é caracterizado por ser maleável de maneira fácil, até mesmo quando o item sendo deixado por algum tempo no sol isso já ajudaria a deixa-lo maleável: um exemplo é um brinquedo deixado no quintal num dia de sol, que com o tempo desbotaria e se tornaria mais maleável.

Termoplástico na indústria

O termoplástico se trata de um material de suma importância na indústria tanto nacional quanto internacional. E uma das razões para isso é porque esse material é bastante versátil e também fácil de ser manipulado no processo de fabricação, podendo substituir outros como o vidro e os metais, por exemplo.

E existem distintos polímeros termoplásticos, com cada um dispondo de características que o diferenciam dos demais. Dentre os principais tipos há os materiais a seguir:

Polietileno de alta densidade: uma matéria-prima com pouca viscosidade, mas com resistência química, sendo indicada para fabricar produtos como brinquedos, sacolas, cabos, etc.;

– Polipropileno homopolímero: já essa matéria-prima possui elevada resistência ao calor e também à química. As indicações são seu uso para moldagem plástica que use procedimentos como injeção, extrusão, entre outros;

– Polipropileno Random: já essa resina altamente resistente é recomendada para fabricar elementos que precisem de transparência e bastante resistência química.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (3 de Outubro de 2016). Conceito de termoplástico. Conceito.de. https://conceito.de/termoplastico