Conceito.de

Conceito de brutal

Do latim brutālis, brutal é um adjectivo que é usado em referência àquilo que é próprio dos animais, tendo em conta a sua irracionalidade ou violência. A qualidade de bruto recebe o nome de brutalidade.

Exemplos: “O idoso teve de ser internado no hospital após sofrer um ataque brutal por parte dos manifestantes”, “Uma explosão brutal que teve lugar numa fábrica de garrafas fez 28 mortos”, “O defensor holandês foi suspenso por oito jornadas depois de ter cometido uma infracção brutal que deixou um jogador da equipa adversária gravemente ferido”, “A vítima faleceu com os dois golpes brutais que sofreu no crânio”.

Quando uma pessoa comete um acto violento, fala-se de uma acção brutal. Um assassinato, murros, uma violação ou a destruição de uma escola são acções que podem ser consideradas brutais.

Algo bastante impressionante ou intenso, por outro lado, também pode ser qualificado de brutal. Se alguém comentar que “A gritaria brutal impediu o discurso do presidente”, estará a querer dizer que o ruído/barulho era de tal forma ensurdecedor que o mandatário não se pôde expressar.

Dá-se o nome de brutal death metal a um subgénero musical dentro do death metal. Este subgénero é considerado como o mais extremo pelo seu ritmo veloz, pelas vozes graves e letras que tratam sobre morte, distúrbios ou doenças.

Se um agente da polícia cometer um acto brutal, fala-se de brutalidade policial. Estas acções, que implicam o uso excessivo da força física, agressões verbais e ameaças, são consideradas como um desvio da conduta policial normal e são condenadas pelos regulamentos internos e pela lei.