Conceito.de

Conceito de cardápio

Cardápio ou menu é uma lista contendo os pratos e bebidas que são servidos num restaurante ou lanchonete. E o cardápio pode ainda ser à la carte, que é quando o cliente pode escolher entre as opções ali de forma livre, ou pode ser também d’hôte, que é quando já existe uma sequência dos pratos determinada previamente.

cardápio
O cardápio apresenta os pratos e bebidas que são servidos num restaurante, lanchonete, etc.

Em locais como fast food, é comum que haja cardápios também, ainda que nem sempre esses sejam acessíveis como os dos restaurantes, quais os clientes possam manusear, um exemplo nesse caso são os cardápios em tamanho aumentado que ficam numa tela na parte superior ao balcão onde encontra-se o atendente, então o cliente pode escolher o que deseja com base na lista ali. Esse tipo é comum em várias grandes redes e fast food.

Quando se originou o cardápio

É importante saber que o termo cardápio possui um relativo, que é “menu” (que pode significar “cardápio” em inglês), desse modo, é comum que alguém chegue num restaurante peça o cardápio ou o menu.

Falando sobre sua etimologia, esse termo vem da união de dois elementos em latim: charta, que significa “papel”, e dapum, genitivo de dapes, que significa “iguarias”.

Conta-se que em alguns locais eram os garçons quem apresentavam os produtos para os clientes devido a sua boa capacidade de memorização, tendo em vista que seria impossível para os clientes conseguirem gravar tantas informações assim antes de estarem na mesa para se serem servidos.

Primeiramente, nos restaurantes o que se tinham eram placas na entrada que serviam para apresentar os pratos disponíveis, tais placas tinham o nome de “carte”, um termo francês que mais tarde deu origem a expressão “à la carte”.

Mais tarde, os clientes passaram a pedir nos restaurantes uma cópia da carte, mas essa cópia era numa versão menor do que a que havia na entrada dos restaurantes, para esse deu-se o nome de “menu”, que era uma variação do termo em latim “minutu”, que significa “reduzido”.

O primeiro cardápio

Conta-se que o primeiro cardápio de qual se tem documentação encontra-se no acervo do Museu do Palácio de Versalhes, e o mesmo teria sido elaborado em 21 de junho de 1751. Esse cardápio seria o apresentado no Banquete oferecido pelo rei Luís XV da França para a comunidade financeira. O responsável por criar esse cardápio foi o artista e calígrafo chamado Brain de Sainte-Marie.

Mas haveria ainda um cardápio mais antigo do que esse, o qual teria sido criado em 1521, porém o mesmo não foi documentado. E os alemães detém o título de criadores de tal cardápio. Foi num banquete que aconteceu naquele ano, para a abertura da Dieta de Worms, que o duque Heinrich Brunswick-Wolfenbüttel solicitou que seus cozinheiros colocassem num pergaminho quais os pratos que seriam servidos ali. Daí teria nascido a ideia da criação do cardápio.

Estrutura de um cardápio

Nessas listas encontra-se, além do nome e da foto dos pratos e bebidas, os seus respectivos preços. Um cardápio de uma lanchonete, por exemplo, pode apresentar os diferentes tipos de lanches comercializados ali, assim como as bebidas. E ao lado de cada item haveria o preço do mesmo, o que possibilitaria ao cliente saber quanto gastaria se consumisse determinados pratos.

É comum que os restaurantes, lanchonetes, hamburguerias, fast foods, etc. paguem para uma agência crie os cardápios, considerando as cores do design da marca e outros elementos, assim se tendo algo personalizado.

O cardápio é um elemento que tem recebido mais relevância por parte das empresas nos últimos anos do que diz respeito ao marketing. Então a escolha da fonte, cores, a forma como os preços são apresentados e outras coisas são bem planejadas e elaboradas a fim de ajudar a aumentar as vendas.

Geralmente, as fotos dos pratos nos cardápios precisam estar em alta definição. Isso ajuda a proporcionar para o cliente uma visualização mais clara do que será servido, além de ser também uma forma de gerar estímulo para o cliente optar pelo prato.

Cardápio com preço fixo

É chamado de cardápio com preço fixo aquele em que permite que o cliente selecione a sua refeição com base nos pratos apresentados a um preço que é previamente determinado.

De modo geral, essas refeições costumam dispor de um aperitivo, um prato de entrada, um prato principal e também de sobremesa, tudo isso por um preço fixo por indivíduo.

Cardápio do dia

conceito de cardápio
É comum a colocação do cardápio na parede dos estabelecimentos

Cardápio do dia ou menu do dia se trata do tipo onde são apresentados os pratos com mesma faixa de preço, mas havendo ali uma variedade de pratos oferecidos. A vantagem desse cardápio é que ele apresenta opções mais econômicas, possibilitando a aquisição de refeições variadas.

Em muitos casos, o cardápio do dia não possui uma versão impressão, mas é apresentado em algum quadro no estabelecimento, por exemplo.

Chama-se também de menu do dia o cardápio que é apresentado pelos restaurantes da Espanha para o almoço.

Citação

SOUSA, Priscila. (5 de Agosto de 2022). Conceito de cardápio. Conceito.de. https://conceito.de/cardapio