Conceito.de

Conceito de disciplina

Com origem no termo latim disciplīna, a disciplina é a doutrina e instrução de uma pessoa, especialmente no campo da moral. O conceito também é usado para fazer referência à arte, à faculdade ou à ciência, bem como ao próprio instrumento de castigo (o chicote ou a régua, caídos entretanto em desuso e abolidos).

No âmbito militar e eclesiástico, a disciplina é a observância (cumprimento/respeito) das leis e nos ordenamentos da profissão.

Uma pessoa com disciplina é aquela que é organizada, perseverante e também que respeita as demais. No trabalho, por exemplo, uma pessoa disciplinada tem todas essas qualidades e, ainda, ela traça planos e age com responsabilidade.

Quando mais disciplinada uma pessoa é, então melhores resultados ela terá. E isso é benéfico tanto para o profissional quanto para a empresa onde esse profissional atua.

Uma pessoa que é disciplinada numa empresa gerencia o tempo, concentra-se no trabalho, tem objetivos de carreira definidos, respeita as hierarquias, respeitas os prazos, etc.

Entende-se também por disciplina a obediência a um grupo de normas que são estabelecidas. E ela é vista, ainda, como a boa conduta que um indivíduo tenha, por isso é comum o uso de expressões como “ele é bem disciplinado” ou “ele é um jovem com muita disciplina em tudo o que faz”.

O oposto de disciplina é a indisciplina, que é quando uma pessoa não segue as regras definidas, havendo uma falta de ordem e de bom comportamento.

Vale mencionar que para cada grupo social existem padrões quando a disciplina, por exemplo: quando se fala em manter a disciplina no trabalho, isso é diferente em falar-se em manter a disciplina em casa ou mesmo numa congregação cristã.

Em cada um desses ambientes as regras que dizem respeito a disciplina variam. No trabalho é exigida uma disciplina mais rígida da que se exigiria em casa, por exemplo. Do mesmo modo, a disciplina que se necessita numa igreja é diferente da que se exige num ambiente de trabalho.

A disciplina académica ou científica, também conhecida como área de estudo, é um ramo do conhecimento que é investigado/explorado em escolas de ensino superior, em centros de estudos ou universidades. As disciplinas são oficialmente reconhecidas pelas publicações académicas nas quais constam os resultados dos processos de investigação e pelos círculos académicos, sejam estes intelectuais ou científicos, a que pertencem os investigadores.

Por outro lado, a disciplina escolar é a obrigação que têm os educadores de infância e os docentes/professores de obedecer e mandar obedecer (no caso dos alunos/educandos) a um código de conduta, conhecido sob a designação regulamento escolar. Este regulamento define aquele que se espera que seja o modelo de comportamento, o cumprimento de horários, a farda devendo ser usada, as normas éticas e as maneiras mediante as quais se definem as relações no seio da escola.

Por último, cabe frisar que o disciplinante é a pessoa que, em plena praça pública, flagela as próprias costas como forma de penitência no contexto da religião cristã. Esta tradição, que remonta ao século XV, é de carácter voluntário e é praticada em Espanha e em Portugal, sob a forma de procissões como mero ato de fé.