Conceito.de

Conceito de dissolvente

O adjetivo dissolvente, cuja origem etimológica se encontra no latim “dissolvente”, refere-se àquilo que dissolve: ou seja, consegue desfazer, desintegrar ou separar algo.

No campo da química, o dissolvente é um líquido que promove a separação de moléculas ou partículas de um gás, um sólido ou outro fluido. Uma solução, portanto, é criada quando um soluto é diluído em um dissolvente.

Nesse processo, as moléculas do dissolvente produzem o que é conhecido como solvatação, envolvendo as moléculas do soluto. A água é considerada um dissolvente universal devido à sua capacidade de funcionar como dissolvente para uma grande quantidade de substâncias.

A água oferece a vantagem de não ser poluente; é por isso que é usada em vários procedimentos que exigem o uso de dissolventes (também chamados de solventes). Esses dissolventes que não causam danos ao meio ambiente são classificados como dissolventes sustentáveis.

A salmoura, por exemplo, é uma solução criada através da dissolução do sal comum na água. Portanto, para obter uma salmoura, deve-se usar água (H2O) como dissolvente para o sal (NaCl).

Álcool, metanol, benzeno, gasolina e clorofórmio também podem agir como dissolventes. Nestes casos, trata-se de substâncias que devem ser utilizadas com cautela, pois são potencialmente perigosas.

Os dissolventes são usados na fabricação de produtos de limpeza, tintas, adesivos, cosméticos, têxteis, alimentos e medicamentos, para citar algumas possibilidades. Isso significa que muitas pessoas estão expostas aos riscos inerentes à manipulação de substâncias, tanto na fase de produção quanto no uso ou consumo do bem já fabricado.