Conceito.de

Conceito de dormir

O verbo dormir se refere ao que um ser humano ou animal faz quando está em um estado de repouso que implica a ausência de movimentos voluntários e a suspensão dos sentidos. Ao dormir, a pessoa fica inativa.

Por exemplo: “Estou tão cansado que pretendo dormir até tarde”, “Não se esqueça de escovar os dentes antes de dormir”, “Que barulho! Com este escândalo não se consegue dormir”.

O número de horas que um sujeito deve dormir por dia para se sentir bem e ser saudável varia dependendo da idade e de outros fatores. Em um nível geral, pode-se dizer que um adulto deve dormir cerca de oito horas por dia. Essas horas de sono costumam ser organizadas em quatro ou cinco ciclos de noventa a cento e vinte minutos.

Ao dormir, a pessoa consegue eliminar os resíduos celulares do cérebro e consolidar a memória. Os distúrbios do sono são inconvenientes que podem afetar o indivíduo e alterar o ciclo vigília-sono.

Dormir leva, por vezes, a sonhar. Um sonho é uma representação que se cria na fantasia de quem dorme através de imagens ou acontecimentos. Essa representação ocorre involuntariamente.

Deve-se notar que existem outros significados da noção de dormir. Às vezes esse termo é usado como sinônimo de pernoitar: “Hoje vou dormir na casa da minha namorada”, “Não sei onde vamos dormir esta noite”. Também pode se referir a descuidar ou negligenciar algo: “Cuidado, se dormir nesse negócio, passam por cima de você”, “Por causa da sua desatenção marcaram-nos um gol: não volte a dormir!”.