Conceito.de

Conceito de janela

Escutar o artigo

Janela, do latim vulgar “januella”, é um termo que possui distintos conceitos. Mas o principal uso desse é para designar o espaço/vão/abertura que se faz na parede de uma casa ou imóvel comercial, tendo essa abertura o objetivo de proporcionar a entrada da iluminação natural.

janela
Uma janela permite a entrada de luz no cômodo

Janela é também como se chamada o item (esquadria), feito de madeira, metal, alumínio, etc., que é colocado no vão feito na parede. E essa pode ter diferentes tamanhos e formatos.

Diferente da porta, que é também um espaço na parede que visa promover a entrada de luz, a janela possui um tamanho menor e, geralmente, é colocada numa altura de 1 metro em relação ao chão.

Características de uma janela

De modo geral, é o vidro o material usado nas janelas, sendo esse sustentado pelo que é chamado de caixilho de suporte, o qual pode ser fabricado em metal, madeira, alumínio, entre outros. Mas existe janelas mais antigas que são feitas apenas de madeira, sem a presença de vidros.

Materiais para janelas

Boa parte das janelas comercializadas são feitas de madeira ou de alumínio. Contudo, existem ainda as de PVC (que possui como vantagem seu isolamento acústico) e as janelas feitas de aço.

Os materiais influenciam tanto na qualidade que a janela terá, como também no seu preço.

E sobre as características dos materiais usados para fabricar uma janela, o ferro proporciona um isolamento térmico e acústico médio, enquanto que no PVC esses são considerados bons, por sua vez, a madeira oferece um isolamento térmico e acústico muito bom, enquanto isso, os do alumínio são bons, mas há uma ruptura térmica.

Tipos de janelas

conceito de janela
Há janelas com tamanhos e formatos variados

Existem janelas de diferentes tamanhos e com formas distintas, havendo assim:

– As janelas simples ou comuns, que são aquelas que se abrem para um dos lados, podendo essas serem de madeira, alumínio, etc.;

Janelas de correr (que possuem pelo menos duas folgas);

– As janelas venezianas (sendo essa as que contam com seis folhas);

– Também as janelas de abrir (que se parecem muito com as portas),

– Os basculantes (são janelas usadas mais em locais como cozinhas e banheiros, permitindo a entrada de ventilação);

– As pivotantes (com dois pivôs, que as faz girar em torno de si mesmas);

– Há também a janela fixa, que não possui abertura. Como o nome já sugere, essa janela é fixa, sendo usada apenas para clarear determinados pontos num ambiente;

– Entre outras.

Cada uma dessas janelas atende a uma necessidade num imóvel, seja quando se busca uma janela que ocupe menos espaço para casas pequenas ou quando o objetivo é instalar uma janela maior para proporcionar, além de mais iluminação, uma estética diferenciada.

Outros modelos de janelas menos comuns

A janela em toldo é aquela onde a abertura é para o lado de fora. Por sua vez, a janela em cruz é uma janela comum com um layout diferenciado, sendo que a parte superior (de ambos os lados) é menor do que a inferior no local onde ficam os vidros.

Outro modelo de janela bastante comum é a janela de sobrancelha, que se caracteriza por possuir um formato estreito e elíptico, em arco e não possuindo lados. Já a janela em clerestório ou janela de clerestório se trata de uma fileira de janelas que foram postas em sentido rente ao teto de uma construção.

Janelas em informática

No âmbito da informática, dá-se o nome de janela para uma área da tela que é ocupada por um documento ou programa, por exemplo.

Uma janela pode ser aberta com uma imagem, um arquivo de áudio, um programa para edição de vídeo, um documento num editor de texto, entre outros. E, nesse caso, essa imagem, arquivo ou programa pode ser exibido em sua forma total ou parcial. Para que algum desses seja exibido é necessário haver um sistema operacional devidamente configurado.

Uma janela dessas pode ser fechada, minimizada (quando ela é escondida apenas, continuando aberta) ou maximizada (quando se retorna para o seu formato original).

Nesse tipo de janela, há a saída do sistema ou também acontece a entrada de dados.

Janela em rádio

Nos programas de rádio, é comum que haja intervalos entre uma programação e outra, o qual é chamado de “janela”. Numa janela é onde são inseridos ou comerciais. Mas o uso do termo nesse sentido tem sido cada vez menos frequente.

Janela no sentido figurativo e outros usos

É comum dizer que “os olhos são a janela da alma”, uma expressão que é usada, por exemplo, para dizer que duas pessoas podem se apaixonar apenas devido ao olhar que elas trocam, com uma entendendo a outra desse modo.

A expressão “se abre uma janela”, por outro lado, diz respeito a uma oportunidade que surge num lugar inesperado, por exemplo:

– Não foi como ele esperava, mas foi ainda melhor, pois quando uma porta se fecha, então se abre uma janela.

Citação

SOUSA, Priscila. (24 de Agosto de 2022). Conceito de janela. Conceito.de. https://conceito.de/janela