Conceito.de

Conceito de laparoscopia

A laparoscopia é uma técnica de exploração visual que permite observar a cavidade pélvica-abdominal com um instrumento conhecido como laparoscópio.

Este instrumento, que é esterilizado depois de cada intervenção para que se possa continuar a usar, emite uma luz que permite iluminar a cavidade e dispõe de uma câmara que transmite as imagens do interior do corpo. A técnica possibilita intervenções cirúrgicas de invasão mínima, uma vez que basta uma incisão que não passa de 1,5 centímetros para que o dispositivo consiga entrar no corpo.

Exemplos: “Estou um pouco assustado: amanhã, vão fazer-me uma laparoscopia”, “O médico afirmou que uma laparoscopia pode ser indicada para um tratamento deste tipo”, “A cicatriz que me deixou a laparoscopia quase que não se nota”.

A menor incisão implica uma marca estética mais pequena, uma dor pós-operatória reduzida e uma recuperação geral mais rápida em comparação com as cirurgias abertas tradicionais.

A laparoscopia, no entanto, não está isenta de eventuais complicações. O laparoscópio acede a órgãos vitais, os quais podem ficar danificados, e a incisão pode infeccionar. A técnica requer um cirurgião experiente, capaz de se mexer sem falhas.

A cistectomia (que permite remover a bexiga, ou parte dela, em casos de cancro de bexiga), a colecistectomia (extracção da vesícula biliar se houver cálculos renais ou outros transtornos) e a apendicectomia (que permite a extracção do apêndice cecal perante uma apendicite aguda) são algumas cirurgias que se podem desenvolver através desta técnica.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (2 de Junho de 2014). Conceito de laparoscopia. Conceito.de. https://conceito.de/laparoscopia