Conceito.de

Conceito de cancro

O cancro é uma doença neoplásica com transformação das células. O termo também permite fazer referência a um tumor maligno ou carcinoma.

O uso do conceito diz geralmente respeito ao conjunto de doenças que implicam um excesso de células malignas (as células cancerígenas), que produz uma invasão dos tecidos circundantes/vizinhos ou a metástase (a disseminação dessas células), dando origem ao desenvolvimento de novos tumores.

O cancro pode afectar indivíduos de todas as idades, podendo nomeadamente surgir no feto. Trata-se de uma doença que causa cerca de 13% dos falecimentos à esfera global e que mata milhões de pessoas por ano.

A causa do cancro ainda é desconhecida embora se reconheçam diversos factores de risco que tendem a favorecer o seu aparecimento. O envelhecimento, o tabagismo, a exposição solar ou a diversos agentes químicos, o sedentarismo e a dieta (aquilo que se come) são factores que, em certos casos, podem promover a formação de um cancro ou acelerar o seu desenvolvimento.

O tratamento do cancro pode realizar-se com recurso à cirurgia, à radioterapia ou a sessões de quimioterapia, dependendo das especificidades da doença em questão e da resposta do organismo.

A especialidade médica dedicada ao estudo e ao tratamento dos tumores benignos e malignos chama-se oncologia. Os oncologistas podem diagnosticar o cancro, indicar o tratamento adequado, realizar o acompanhamento desse tratamento e realizar os cuidados paliativos.

Por outro lado, em sentido figurado, considera-se cancro todo o mal que se agrava progressivamente.